(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Você exercita o seu cérebro?

Comportamento Comentários 26 de outubro de 2012

Autor do livro “Ginástica Cerebral” lança publicação e fará oficinas gratuitas para quem quiser conhecer a técnica


Anápolis terá, na semana que vem, a presença do engenheiro químico Carlos Maurício Prado. Ele é autor do livro “Ginástica Cerebral” e fará o lançamento da publicação na Cidade. E, mais do que isso, ele também irá oferecer oficinas práticas gratuitas.
Carlos Prado chega na segunda-feira, 29, mas o lançamento está marcado para quarta-feira, 31, no auditório do Centro de Treinamentos ICTQ, Rua Benjamim Constant 1491, Centro, juntamente com as oficinas que acontecerão pela tarde às 15hs ou pela noite às 19hs, sempre com 2hs de duração para aqueles que desejarem acompanhar a demonstração dos exercícios mais importantes da técnica.
Segundo informa a assessoria do escritor, ao todo são 32 exercícios simples de um minuto cada para todos os tipos de dificuldades: memória, concentração, autoestima, rapidez de raciocínio, clareza mental, aprendizado. Para facilitar, sete exercícios principais são destacados para compor um “cérebro ideal”, a Supermente: Positiva; Ativa, Clara e Energética. Como o tempo médio de cada exercício é de um minuto, pela manhã, ao acordar, em vez de pegar no tranco, é possível dar a partida instantânea no cérebro, em apenas sete minutos, praticando o aquecimento cerebral de nesse espaço de tempo, para um dia de sucesso no trabalho, estudos e na vida pessoal.

Mais informações
Método científico, desenvolvido na Universidade da Califórnia, pelo PhD Dr. Dennison e sua equipe de especialistas, desde 1960, constituído por 32 exercícios simples e práticos que qualquer pessoa, de qualquer idade, consegue fazer para aumentar a sua capacidade de memória, concentração, aprendizado, criatividade, auto-estima - crianças praticam na escola para melhorar a nota, adolescentes que vão prestar vestibular para não dar branco na hora da prova, adultos em seu ambiente de trabalho, para aumentar a produtividade e eliminar o stress, idosos no sofá de casa para prevenir Mal de Parkinson e de Alzheimer.
Supõe-se que Einstein, um verdadeiro gênio, tenha, no máximo, utilizado 10% da sua capacidade. Uma pessoa comum utiliza em média 3 a 4 %. Mas essa marca pode ser aumentada. O cérebro, nosso órgão mais importante, funciona como qualquer músculo, quando estimulado, cresce, desenvolve. Ao contrário, largado, abandonado, encolhe e atrofia. Este é o princípio da Ginástica Cerebral. Assim, como se vai a uma academia para exercitar o corpo, pode-se exercitar o cérebro. Existe um livro ilustrado, já publicado em português pela editora Século XXI, de Porto Alegre, que apresenta estes 32 exercícios, cada um com um propósito: dificuldade de leitura; matemática; português; aprender idiomas; preguiça; autoestima; dificuldade de aprendizado, memória, concentração, medo de dirigir, troca de letras, dentre outros. O cérebro é absoluto e compartimentalizado. Assim, cada exercício tem a sua aplicação. (Com informações da assessoria do autor)

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Comportamento

Registros de casamentos caem e os de divórcios aumentam, mostra IBGE

02/11/2018

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística acaba de divulgar a estatística de registro civil. Os números trazem dad...

Palmadas estimulam agressividade em crianças, diz estudo

29/04/2016

A criança que apanha (leves palmadas no bumbum ou em outra extremidade) é mais propensa a desafiar seus pais, ter um compor...

Brasileiras iniciam vida sexual na adolescência

02/10/2015

etade (53%) das mulheres inicia a vida sexual entre 16 e os 18 anos no Brasil. A pesquisa, reali...

Qual é a melhor idade para conversar com os filhos sobre o álcool?

14/09/2015

ara evitar o consumo excessivo de bebida alcoólica entre pré-adolescentes e jovens...