(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Viaduto da Brasil está quase pronto

Trânsito Comentários 15 de fevereiro de 2014

Com investimento de R$ 14,5 milhões, obra é uma das maiores intervenções no trânsito de Anápolis e integra o Plano de Mobilidade Urbana


A Prefeitura confirmou para o dia 20 próximo, a entrega do viaduto no cruzamento entre as avenidas Brasil e Fayad Hanna. Os operários da empresa Trade, responsável pela execução da obra, trabalham na parte final de acabamento, que incluiu o levantamento de um obelisco com a letra “A”, de Anápolis, que vai dar maior visibilidade ao logradouro.
O secretário municipal de Obras, Serviços Públicos e Habitação, Clodoveu Reis Pereira, adiantou que a inauguração está prevista para as 20 horas, com a realização de várias atrações artísticas. Conforme disse, o cronograma foi antecipado em quase cinco meses, devido ao fato de que não houve problemas de monta maior. E, nesta reta final, mesmo com as fortes chuvas que estão caindo sobre o Município, não deverão ocorrer transtornos maiores que justifiquem o adiamento da entrega.
Sobre a funcionalidade do viaduto, Clodoveu Reis destaca que essa avaliação será feita assim que o local for aberto ao tráfego. Mas, segundo ele, algumas medidas foram tomadas, como a ampliação das pistas no elevado e, com isso, deve haver uma grande melhora no trânsito na região. “Não podemos esperar que se resolvam 100% dos problemas, mas os condutores vão sentir uma grande melhora”, ponderou.
O viaduto tem extensão de 320 metros e consumiu - conforme dados da assessoria de comunicação da Prefeitura - cerca de 300 mil metros quadrados de concreto, além da aplicação de mais de 360 mil quilos de perfis para estabilização das paredes laterais. O investimento é de R$ 14,5 milhões, com recursos integrais do Tesouro Municipal.
O trecho da Avenida Brasil passará pela parte inferior do elevado, enquanto a pista da Avenida Fayad Hanna ficará na parte superior. O local recebe um fluxo intenso de veículos leves e pesados, devido ao Terminal Rodoviário “Josias Moreira Braga” (Estação Rodoviária); de um shopping e por ser, também, acesso à saída Norte, à Base Aérea e à região das faculdades.

Histórico
Desde 2011, a Prefeitura vem trabalhando no projeto para o viaduto. Em 24 de novembro daquele ano, foi realizado um pregão para a contratação de uma empresa de engenharia para a elaboração do projeto do viaduto, sendo que a empresa vencedora e contratada para o serviço foi a Brasitec Projetos e Construções Ltda., ao valor de R$ R$ 79.922,28. Em seguida foi aberta a licitação para a construção da obra, em que a Trade Construtora e Incorporadora Ltda. foi a vencedora, apresentando a oferta de preço de R$ 14.575.070,57. No dia 04 de maio de 2012, foi publicado no Diário Oficial do Município, o Termo de Homologação. No dia 08 de março de 2013, em solenidade com a presença do Prefeito Antônio Gomide, foi dado o início à construção do elevado.

Mudanças
A construção do viaduto na Avenida Brasil com a Fayad Hanna é uma das maiores intervenções dos últimos anos no trânsito de Anápolis e faz parte do Plano de Mobilidade Urbana. Segundo os dados mais recentes do Denatran, são mais de 200 mil veículos emplacados no Município. A Cidade tem a 46ª. maior frota do País e as ruas e avenidas não foram projetadas para este movimento. Além das obras rodoviárias, também serão implementadas mudanças no sistema de transporte coletivo e o reforço nas ações educativas, com vistas à redução do número de acidentes.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Trânsito

CMTT promove simulação de acidentes como medida preventiva

26/05/2017

De repente, até o motorista vira passageiro, o mundo fica de cabeça pra baixo e tudo começa rodar. Esse é o cenário de u...

Alto índice de acidentes no trânsito de Anápolis preocupa a CMTT

18/05/2017

Onze pessoas foram atropeladas em Anápolis de janeiro a março deste ano, sendo três em janeiro, três em fevereiro e cinco...

CMTT promove Maio Amarelo promove a paz no trânsito

04/05/2017

Carros batidos espalhados pelos canteiros e praças da cidade, faixas de alerta e palestras em escolas e empresas. Essas são...

Goiânia, Anápolis e Aparecida de Goiânia concentram 40% das mortes registradas no trânsito

27/04/2017

A força tarefa do programa Goiás Mais Competitivo e Inovador (GMCI), coordenado pela Secretaria de Gestão e Planejamento (...