(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Vazamento de esgoto vira caso de polícia

Geral Comentários 12 de janeiro de 2017

Gerente da SANEAGO é levada coercitivamente à delegacia e indicada por poluição de córrego


A gerente do Distrito da SANEAGO em Anápolis, engenheira Tânia Valeriano, foi conduzida coercitivamente à Delegacia de Defesa do Meio Ambiente, na manhã do último dia 10, para prestar esclarecimentos sobre a poluição no Córrego Reboleira, onde milhares de litros de esgoto in natura vêm sendo despejados desde o dia 12 de dezembro do ano passado depois de um rompimento em um interceptor. Tânia Valeriano foi levada à Delegacia para prestar depoimento, logo após participar de uma entrevista em uma emissora de rádio da cidade, onde foi falar sobre o projeto de melhoria na captação, da rede adutora, aumento da capacidade de produção e de uma nova estação de tratamento de água, projetos que representam um investimento de R$ 118 milhões, anunciados pelo Governador Marconi Perillo no último dia 06.
O rompimento desse interceptor no Córrego Reboleira integra uma série de denúncias feitas pelo ambientalista e coordenador da Pastoral do Meio Ambiente da Diocese de Anápolis, Valdivino Felix, à Agência Nacional das Águas, ao Ministério Público Estadual, ao Ministério Público Federal e à Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (leia matéria sobre o assunto nesta página). De acordo com o titular da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente, delegado Manoel Vanderic Correa Filho, o rompimento do interceptor vem causando um dano irreparável ao Córrego Reboleira “porque nele vem sendo lançados de forma permanente e ininterrupta, milhares de litros de esgoto por dia”.
Ele informou que na delegacia a gerente do Distrito da SANEAGO assinou um Termo Circunstancial de Ocorrência, assumindo o compromisso de a empresa interromper, o mais rápido possível, o lançamento de esgoto no leito do córrego. Tânia Valeriano e a própria SANEAGO foram indiciados por crime de poluição culposa. De acordo com o delegado, a gerente foi presa em flagrante e liberada logo após assinar o TCO e deve responder em liberdade.
“Isso é um crime permanente e de sério dano ambiental”, destacou Manoel Vanderic, explicando que Tânia Valeriano terá de comparecer ao Judiciário para a apresentação de uma eventual pena. Segundo ele, se o problema não for solucionado em uma semana, a gerente pode ser autuada pelo crime de poluição dolosa, que prevê penalidades mais severas e sem direito a fiança.
O delegado reconhece que a providencia anunciada pela empresa é paliativa, admitiu que a execução de um projeto definitivo depende da realização de uma licitação pública, mas acha que o problema precisa ser sanado rapidamente para que o despejo de esgoto no leito do córrego seja interrompido o mais rápido possível. O delegado prometeu acompanhar todo esse procedimento e fiscalizar outros pontos onde há vazamento de esgoto nos mananciais que cortam a cidade para que a SANEAGO seja imediatamente acionada para adotar as providências que cada caso requer.

Nota oficial
Em nota distribuída à imprensa, a SANEAGO reconhece que houve o rompimento do interceptor de esgoto no dia 12 de dezembro do ano passado, mas afirma que, desde então, os técnicos da estatal estão em busca de uma solução para o problema. A empresa esclarece que os técnicos constataram que é necessária a elaboração de um projeto de reestruturação da travessia do interceptor e que para isso foi solicitada uma licitação em caráter de urgência para que a obra seja executada e concluída até o próximo dia 19 de fevereiro.
Na mesma nota a SANEAGO nega que Tânia Valeriano tenha sido presa e sustenta que ela foi, apenas, conduzida à delegacia para depoimento. A nota oficial da empresa conclui afirmando que a gerente do Distrito em Anápolis é uma profissional ciosa do cumprimento de suas obrigações e que ela foi o tempo todo acompanhada pela companhia, que busca uma solução emergencial da situação.

Autor(a): Ferreira Cunha

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Convênios públicos têm nova regulamentação

11/05/2017

A Câmara Municipal realizou audiência pública nesta quinta-feira,11, em conjunto com a Prefeitura de Anápolis, para trata...

Corpo encontrado em lago é de empresário anapolino

04/05/2017

Na noite desta quinta-feira, 04, informação colhida pelo Jornal “A Voz de Anápolis”, junto a um irmão de Edmar Almeid...