(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Vale das Laranjeiras - Drenagem avança e pavimentação será iniciada

Geral Comentários 14 de setembro de 2018

Obras na região envolvem investimentos de quase R$ 1,3 milhão e devem resolver antigo problema dos moradores do local


As obras de pavimentação e drenagem, que ocorrem no Sítio de Recreio Vale das Laranjeiras e envolvem investimentos de quase R$ 1,3 milhão, já estão em fase avançada. O cronograma está sendo obedecido de forma pontual e cumpre determinação do prefeito Roberto Naves, que estabeleceu a execução como compromisso de gestão. O prazo de entrega do serviço, iniciado no final do mês de junho, é o dia 20 de outubro.
O acompanhamento das equipes de fiscalização da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos aponta para a realização de 70% da extensão linear das galerias de água pluvial, que somam, aproximadamente, 1,5 quilômetros.
De acordo com o titular da pasta, Francisco Lacerda, na próxima semana será iniciada a implantação da dispersão de água, com a instalação de gabiões – muro com estrutura metálica preenchido com pedras - e dissipadores. “Com mais 15 dias, concluiremos a fase de drenagem da obra”, disse.
O projeto prevê a colocação de 24 bocas de lobo, entre duplas e triplas, todas com grelhas. A tubulação é composta por tubos de concreto de 0,80 cm, 1 m e 1,5 m de diâmetro. Há ainda a previsão da colocação de 16 postos de visitação (PVs).
Também estão na planilha a construção de calçadas e a sinalização das vias, que depois de pavimentadas, totalizarão cerca de um quilômetro de extensão linear. São as ruas Rafael Braga Tibúrcio, Dorcelino Joaquim da Costa, Anápolis, Mauro Inácio Borges, Niquelândia, e V. A Gomes.

Saiba como ter acesso ao Cartão Reforma

Benefício não é um financiamento, mas um subsídio para quem precisa fazer melhorias no imóvel

Famílias com renda de até R$ 2,8 mil podem ter acesso a subsídios para reformar, ampliar ou concluir a casa. Esses recursos são liberados por meio do programa Cartão Reforma, que é operado pela Caixa Econômica Federal. O lojista que participa, vende os materiais e depois é reembolsado.
O cartão pode ser usado em diferentes tipos de obra, como construção de um cômodo, de banheiro, para reforma ou troca do telhado, esgotamento sanitário, rede de energia, pintura, adaptação para acessibilidade e outros.
Segundo o Ministério das Cidades, esses recursos não são um financiamento, mas um benefício totalmente subsidiado pelo governo federal. O cidadão que se enquadrar no programa deve arcar apenas com a mão de obra.
Para obter o benefício, além de estar dentro das regras do programa, é preciso se cadastrar na prefeitura municipal ou no governo do estado. Cada cadastro será avaliado e receberá uma pontuação de acordo com a situação econômica da família e da necessidade de melhoria no imóvel.
O dinheiro do cartão não pode ser sacado, o material só pode ser comprado diretamente na loja. O lojista, para participar, precisa se credenciar no portal do programa. As prefeituras fazem o acompanhamento das obras para garantir que o programa tenha a destinação correta.

Requisitos para ter acesso ao programa
- Renda familiar bruta de até R$ 2,8 mil;
- Possuir um único imóvel em todo o território nacional;
- Ser maior de 18 anos ou emancipado;
- O imóvel deve ser regularizado e estar em área definida pelo Município.
(Fonte: Ministério das Cidades)


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

UniEVANGÉLICA - Seminários destacam direitos da pessoa com deficiência

20/09/2018

Foi promovido nesta semana na UniEVANGÉLICA o Seminário dos Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, uma iniciativa d...

Regulamenta lei que proíbe fabricação e uso do cerol

20/09/2018

O governo de Goiás editou o Decreto n° 9.316, de 18 de setembro de 2018, que regulamenta a Lei n° 17.700/2012, que dispõe...

Comarca de Anápolis fica de fora do plano para a expansão de novas varas

20/09/2018

A Comarca de Anápolis ficou de fora da primeira fase do plano de reestrutura judiciária, definido pela Lei 20.254/18, que d...

Vereador destaca do Dia do Vicentino

20/09/2018

Em discurso no pequeno expediente, durante a sessão ordinária da última quarta-feira,19, o vereador Lisieux José Borges (...