(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Uso da faixa de pedestre é tema de campanha

Geral Comentários 08 de julho de 2011

Companhia de trânsito quer atuar em duas frentes, ou seja, conscientizando os motoristas e também os próprios pedestres para a importância da utilização da faixa de segurança nas vias


“Respeitar a faixa. Um gesto de amor ao próximo”. Esse é o tema da campanha que Companhia Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT), lançou nesta terça-feira, 5, na Avenida Brasil Norte, em frente ao Hospital de Urgência de Anápolis, dentro da programação alusiva ao aniversário dos 104 anos de Anápolis. O trabalho será intensificado ao longo do ano e o objetivo é prevenir e reduzir os acidentes de trânsito envolvendo pedestres.
Segundo o tenente Sidney Pontes, diretor da Companhia Municipal de Trânsito e Transporte, a proposta é utilizar uma nova forma de abordagem valorizando a espiritualidade do anapolino e buscando, assim, despertar sentimentos de solidariedade e respeito ao próximo no trânsito. Para isso, conforme observou, serão utilizados todos os recursos disponíveis pela CMTT para conscientizar os motoristas e pedestres, seja por meio da gestão de Educação de Trânsito ou dos fiscais. “Ainda este ano vamos colocar em pontos estratégicos algumas botoeiras para melhorar ainda mais o tráfego na cidade. Vamos fazer a licitação e estudar os melhores locais para serem colocadas”, afirma.
O diretor da companhia de trânsito acrescentou ainda que a campanha irá acontecer também nas principais vias públicas de Anápolis. “Considerando a relevância do tema “segurança do pedestre” o trabalho será permanente, constituindo uma das principais atividades educativas da CMTT”, garantiu Sidney Pontes.
Para o gestor público, Juscelino Ramos Júnior, campanhas como essas são essenciais para conscientizar os pedestres e motoristas, pois só assim, ambos vão respeitar as leis de trânsito. “É uma pena que quando sair daqui, a falta de educação vai continuar. Por isso a educação tem que ser constante, assim como a fiscalização. Parabenizo essa iniciativa da Prefeitura, espero que o número de acidentes diminua na cidade”, opina.

Frentes
Serão desenvolvidas, simultaneamente, duas frentes de trabalho. A primeira é voltada para os condutores de veículos e visa a sensibilização destes no sentido de perceber o pedestre que aguarda para atravessar. A segunda é voltada para o próprio pedestre no sentido de habitá-lo para uma travessia responsável e segura. Vários recursos serão utilizados, como mãos gigantes que acenam pedindo passagem, orientam e depois agradecem aos condutores, e faixas vivas que convidam e conduzem os pedestres na travessia.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Programa ID Jovem completa primeiro ano de vigência

08/12/2017

A Secretaria Nacional de Juventude comemora os bons resultados do Programa Identidade Jovem. Em 1 ano de vigência da iniciat...

Aumenta para oito anos prisão de bêbado que dirige e mata

08/12/2017

Após cinco anos de espera, o projeto 5568/2013 foi aprovado pela Câmara dos Deputados. A análise ocorreu na sessão desta ...

Pesquisa aponta intenção de compras dos anapolinos

08/12/2017

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Anápolis acaba de divulgar a pesquisa de intenções de compras do consumidor anap...

Residencial Copacabana recebe plantio de mudas de árvores

08/12/2017

Preservar o meio ambiente e cuidar do planeta. Foi com esta disposição que estudantes do 1º e 2º ano do Ensino Médio do ...