(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Unidade de Saúde Nossa Senhora do Carmo aguarda credenciamento para começar a funcionar

Saúde Comentários 19 de fevereiro de 2016

Aproveitando a estrutura física do antigo prédio onde funcionava uma escola, novo hospital terá 45 leitos com enfermaria de retaguarda, para atender pacientes crônicos


A direção da Santa Casa de Misericórdia está aguardando o credenciamento e a habilitação pelo Ministério da Saúde para definir a data que a Unidade de Saúde Nossa Senhora do Carmo começará a funcionar. De acordo com a direção da Santa Casa, todas as providências relacionadas à documentação exigida pelo Ministério da Saúde já foram adotadas e que a instituição aguarda também um posicionamento da Vigilância Sanitária e da Secretaria Estadual de Saúde para que a unidade comece a funcionar.
Depois da desativação do Colégio que funcionava no prédio onde Unidade de Saúde Nossa Senhora do Carmo vai funcionar, a direção da Santa Casa chegou a promover uma solenidade de inauguração do hospital. Mesmo assim, a unidade nunca funcionou por razões que a entidade não revelou à reportagem.
Informou, no entanto, que o novo hospital funcionará com recursos advindos do Sistema único de Saúde (SUS) e com subvenções estadual e municipal. A direção da Santa Casa revelou que a unidade vai funcionar com 45 leitos, destinados ao atendimento de pacientes crônicos e com enfermaria de retaguarda. Não haverá atendimento nas áreas de obstetrícia e ginecologia, conforme acrescentou a direção da instituição explicando que não haverá também atendimento através de planos de saúde, mas exclusivamente pelo SUS.
Sobre a estrutura física da nova unidade, a direção da instituição se limitou a informar que ela atende às exigências para atendimento de pacientes crônicos e que os equipamentos e o quadro de pessoal técnico serão definidos pelo Ministério da Saúde. Apesar da data de início de funcionamento ainda não ter sido definida, vazou a informação de que a Unidade de Saúde Nossa Senhora do Carmo pode começar a atender no final de março ou meados de abril.
A direção da Unidade acredita que o início de suas atividades poderá desafogar o atendimento na Santa Casa de Misericórdia, hoje responsável por um grande número de atendimento de pacientes em diversas especialidades.

Autor(a): Ferreira Cunha

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Saúde

Necessidade da vacinação infantil

12/07/2018

Há o risco da criação de bolsões de crianças não vacinadas contra as doenças infectocontagiosas. O secretário Estadua...

Meta é vacinar 364 mil crianças

12/07/2018

Até o dia 20 próximo, Goiás vai receber do Ministério da Saúde 455.900 doses de vacina contra pólio (paralisia infantil...

Meta é vacinar 364 mil crianças

12/07/2018

Até o dia 20 próximo, Goiás vai receber do Ministério da Saúde 455.900 doses de vacina contra pólio (paralisia infantil...

Terapias integrativas para pacientes com câncer

12/07/2018

Prestar atendimento pré-hospitalar de urgência e com excelência à população o mais rápido possível. Essa é a missão...