(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 506

Geral Comentários 13 de fevereiro de 2015

Notas Gerais


Operação Lava Jato
O doleiro Alberto Youssef revelou em sua delação premiada que os ex-ministros José Dirceu e Antônio Palocci eram "as ligações" do lobista e operador de propina na Petrobras Júlio Gerin Camargo com o PT. O doleiro - alvo central da Operação Lava Jato - apontou que o nome José Dirceu consta no registro de contabilidade. Júlio Camargo possuía ligações com o PT, notadamente com José Dirceu e Antônio Palocci. Segundo o doleiro, o lobista tinha uma pessoa que era responsável pela contabilidade das propinas operadas por ele na Petrobras, em nome de empreiteiras do cartel.

Não ao impeachment
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse não "ver espaço" para a discussão de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Líderes da oposição têm defendido a saída da petista com base nos escândalos de corrupção envolvendo a Petrobras. "Não vejo espaço para isso pedido de impeachment. Não concordo com esse tipo de discussão e não terá meu apoiamento", afirmou o parlamentar, tido como desafeto do Palácio do Planalto. "Há uma diferença muito grande entre você ter qualquer tipo de divergência ou forma como atuar com independência”, disse Cunha.

Sem candidatos
O ministro-chefe da Secretaria Especial de Portos da Presidência da República, Edinho Araújo (PMDB), disse na quinta-feira, 12, que uma possível candidatura própria do PMDB à Presidência da República em 2018 "não está na ordem do dia e nem pode estar" no momento atual. "As eleições ocorreram recentemente, estamos iniciando um novo período legislativo e minha preocupação é com a governabilidade, com execução, e com a solução daquilo que é fundamental e urgente para o País", afirmou. De acordo com ele, embora todo partido deva almejar o poder, o momento, agora, é administrativo.

Insatisfação política
Brasil, Colômbia e Argentina estão entre os países emergentes que tem a população mais desencantada com a política, apontou um estudo divulgado pelo centro de estudos americano Pew. O estudo analisou dados compilados em 31 países emergentes e em vias de desenvolvimento, entre eles nove da América Latina (os três mais Peru, México, Venezuela, Chile, El Salvador e Nicarágua) e concluiu que esta região é, junto com o Oriente Médio, a que concentra o maior descontentamento político entre sua população. Cerca de 60% da população desaprovam a forma como seu sistema político funciona.

Economia regride
A economia do país registrou, em 2014, a primeira retração em cinco anos, segundo indicam dados divulgados na quinta-feira (12) pelo Banco Central. O Índice de Atividade Econômica, que é calculado pelo BC e busca ser uma espécie de "prévia do Produto Interno Bruto”, teve contração de 0,15% no ano passado. A comparação foi feita sem ajuste sazonal, pois ela considera períodos iguais (ano contra ano), o que é avaliado como mais apropriado por economistas. Levando em conta o resultado de 2014 com ajuste sazonal (dessazonalizado), menos apropriado, o índice recuou 0,12%.

Inflação maior
Os economistas do mercado financeiro elevaram, novamente, sua estimativa de inflação para este ano, que passou de 6,6% para 6,67%, segundo pesquisa conduzida pelo Banco Central com mais de 100 instituições financeiras. Foi a terceira alta seguida da previsão. O levantamento dá origem ao relatório de mercado, também conhecido como Focus, divulgado pelo Banco Central. Para 2016, a expectativa de inflação do mercado financeiro permaneceu em 5,7%. Com isso, a estimativa do mercado para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2015 segue acima do teto do sistema de metas.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Capitão Waldyr pode ser nome da Plataforma

13/07/2017

Decano da indústria, com uma folha de mais de 60 anos prestados aos classismo e, em especial, à Federação das Indústrias...

Prevista redução de construtores com novas exigências do MC

13/07/2017

A exigência do Ministério das Cidades para que todos os pequenos e médios construtores tenham o Cadastro Nacional da Pesso...

Anápolis presente no Conselho Nacional de Juventude

06/07/2017

A assessora de juventude da Secretaria Municipal de Cultura, Larissa Pereira, foi eleita para ocupar uma das três cadeiras d...

Ubiratan Lopes é empossado na presidência da FACIEG

29/06/2017

O empresário anapolino Ubiratan da Silva Lopes foi empossado na presidência da Federação das Associações Comerciais, In...