(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 497

Geral Comentários 04 de dezembro de 2014

Notas Gerais


Projeto polêmico
O Congresso aprovou, na madrugada de quinta-feira, 04, o texto principal do projeto que altera a meta de superávit primário deste ano, em sessão que durou mais de 18 horas. Só não foi votado o último destaque, por falta de quórum, o que levou o presidente, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), a marcar nova sessão para a próxima terça-feira. O projeto tira do governo a responsabilidade de cumprir qualquer meta de economia para pagamento de juros neste ano. O governo não conseguiu cumprir a meta deste ano, que estava ajustada em R$ 99 bilhões para o setor público consolidado.

Denúncia contra Covas
O Diretório do PT em São Paulo apresentou uma representação ao Procurador Regional Eleitoral no Estado contra o deputado estadual Bruno Covas (PSDB), por supostamente ter, na campanha em que se elegeu deputado federal, utilizado dois funcionários da CETESB para serviços eleitorais. A ação atinge também Otávio Okano, presidente da CETESB, por ceder empregados da administração indireta para a campanha eleitoral do referido parlamentar. A assessoria de Bruno Covas informou que: "o deputado não tem nada a declarar, pois ainda não tomou conhecimento oficial do teor da representação”.

Propina sem fim
O executivo Augusto Ribeiro de Mendonça Neto, da empresa Toyo Setal, disse que parte do pagamento de propina por fornecedoras da Petrobras foi paga ao ex-diretor de Serviços da empresa, Renato Duque como doações oficiais ao PT. Mendonça revelou detalhes do esquema em um acordo de delação premiada. Pela estimativa do executivo, aproximadamente R$ 4 milhões foram pagos em doações ao PT entre 2008 e 2011. O repasse oficial era uma das formas de mascarar a origem das quantias, que também eram pagas por parcelas de dinheiro em espécie e remessas em contas no exterior.

Menos carros novos
A produção de veículos no Brasil em novembro caiu 9,7% sobre outubro, para 264,8 mil unidades, informou a associação que representa montadoras instaladas no país, ANFAVEA. Na comparação com novembro de 2013, a produção também recuou 9,7%. Com isso, o volume produzido pelo setor entre janeiro e novembro somou 2,94 milhões de unidades, queda de 15,5% sobre o acumulado no mesmo período do ano passado. As vendas de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus, enquanto isso, foram de 294,7 mil unidades em novembro, 4% abaixo de outubro e 2,7% abaixo de novembro de 2013.

Dilma e o MST
Depois de apoiar a reeleição da presidente Dilma Rousseff, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra apresentou a fatura ao governo. Além de repudiar a indicação da senadora Kátia Abreu para o Ministério da Agricultura, as lideranças do MST exigem que, até julho do próximo ano, a presidente zere a demanda imediata do movimento e assente no campo 120 mil famílias. O pedido já foi levado ao governo pelas lideranças do movimento em conversas com Miguel Rossetto, atual ministro do Desenvolvimento Agrário, que, a partir de janeiro, vai cuidar oficialmente do assunto.

Balas de borracha
A Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou, por unanimidade, lei que proíbe o uso de bala de borracha por agentes das polícias Militar e Civil. O projeto agora segue para sanção ou veto do governador Geraldo Alckmin (PSDB). O Projeto de Lei 608, de 2013, foi apresentado pelo deputado João Paulo Rillo (PT). A aprovação vem cerca de um mês após a Justiça de São Paulo ter suspendido liminar que proibia o uso de balas de borracha pela PM durante manifestações. Em outubro, a 10ª Vara da Fazenda Pública da Capital já havia vetado o uso dessa munição. A lei é de autoria de vários deputados.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Lei mira a perturbação do sossego público

14/09/2017

O Prefeito Roberto Naves (PTB) encaminhou à Câmara Municipal um projeto promovendo modificações na Lei Complementar 279/2...

Aumenta demanda por atendimento

08/09/2017

Revelados nesta segunda feira (4), pela dirigente do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Eriz...

Prazo para adesão próximo de acabar

31/08/2017

Contribuintes que estão inadimplentes com a Prefeitura de Anápolis têm até o dia 14 de setembro para quitar suas dívidas...

Ação contra Carla Santillo prescreveu

31/08/2017

A 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) entendeu estar prescrita a ação em desfavor de Carl...