(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 380

Geral Comentários 24 de agosto de 2012

Notas Gerais


Corte de ponto
Na tentativa de reverter o corte de ponto de mais de 11 mil servidores públicos que estão em greve, quatros entidades sindicais entraram no Supremo Tribunal Federal com uma reclamação pedindo a suspensão da medida. O texto solicita ainda a recomposição dos eventuais valores descontados por conta da paralisação. Segundo o Ministério do Planejamento, com o corte de ponto de 11.495 servidores, haverá um desconto de R$ 20 milhões. Para os sindicalistas, o corte de ponto desrespeita o direito de greve. "A postura das autoridades administrativas não atende as bases e diretrizes que decorrem da normatização do direito de greve no serviço público", afirma o texto publicado.

Gripe mata
A filha do chefe de gabinete da EMBRATUR, Paulo Guilherme de Araújo, morreu na quarta-feira (22) sob suspeita de gripe A H1N1, em um hospital particular de Brasília. A morte ocorre seis meses após o filho de Flávio Dino, presidente do mesmo instituto, ter morrido sob suspeita de negligência médica em outro hospital particular do DF. Sophia de Araújo, de dois meses, teve sinais de gripe e, sob orientação do pediatra da família, passou a fazer nebulização e tomar remédios para amenizar os sintomas da gripe e da seca da cidade. Mas, seu estado piorou. O bebê teve parada cardiorrespiratória e foi medicado em um hospital. Depois, foi transferido para outro, onde acabou morrendo.

As drogas
A comissão formada por médicos, juristas e pesquisadores, apresentou à Câmara dos Deputados, um pré-projeto de lei que pretende descriminalizar o uso das drogas. Ele transforma o uso de todas as drogas (hoje classificado como um crime, mas sem prisão prevista) em infração administrativa, desde que a quantidade apreendida seja para um consumo de, até, dez dias. A quantidade máxima de cada droga deve ser definida pelo governo em regulamentação posterior. Em Portugal, por exemplo, a quantidade máxima para a maconha é de 25 gramas, segundo Pedro Abramovay, diretor de campanhas da Avaaz (site que colheu mais de 100 mil assinaturas para apresentar este pré-projeto).

Julgamento
O julgamento de Saif al Islam Gaddafi, filho do ditador líbio Muammar Gaddafi, acontecerá em setembro na cidade de Zenten, onde ele está detido desde novembro, informou a Procuradoria-Geral da Líbia. "Um comitê do gabinete da Procuradoria-Geral concluiu a instrução sobre os crimes cometidos por Saif al Islam desde o início da revolução, até sua detenção, e preparou as acusações antes de fixar uma data para o julgamento, que começará em setembro", declarou um porta-voz do órgão. Baara afirmou que o filho de Gaddafi será julgado em Zenten onde há um tribunal que pode ser equipado para uma audiência desta importância, que terá a presença da mídia.

Herança bendita
O empresário americano Odd Odsen Júnior, que morreu aos 52 anos, deixou uma herança de US$ 40 milhões (R$ 80,8 milhões) para 18 brasileiros que foram estagiários de sua empresa vinte anos atrás. Ele não tinha filhos e manteve, até os últimos dias de sua vida, uma relação de amizade com seus estagiários brasileiros. Dez deles continuam nos Estados Unidos. Dois ainda trabalham na empresa, que produz braços articulados para aparelhos eletrônicos. Cada um dos beneficiados receberá US$ 300 mil (R$ 606,1 mil). Odsen estabeleceu seu vínculo com o Brasil em 1976, aos 16 anos, quando conheceu e se tornou amigo de um intercambista brasileiro que estudou em seu colégio.

Indenizações
O pagamento de indenizações pelo DPVAT, seguro obrigatório concedido às vítimas de trânsito no País, subiu 31% no primeiro semestre deste ano em relação a igual período de 2011. Foram pagas 216,1 mil indenizações para acidentes que geraram mortes, invalidez permanente ou despesas médicas. Os números dão um panorama do volume de acidentes de trânsito na primeira metade do ano. Em muitos estados o DPVAT é cobrado junto com o IPVA. As vítimas de acidente podem solicitar gratuitamente a indenização. Para vítimas fatais, foram pagas 29,7 mil indenizações nos seis primeiros meses, alta de 11% no período. As mortes representaram 14% do total ocorrido.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Convênios públicos têm nova regulamentação

11/05/2017

A Câmara Municipal realizou audiência pública nesta quinta-feira,11, em conjunto com a Prefeitura de Anápolis, para trata...

Corpo encontrado em lago é de empresário anapolino

04/05/2017

Na noite desta quinta-feira, 04, informação colhida pelo Jornal “A Voz de Anápolis”, junto a um irmão de Edmar Almeid...