(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 353

Geral Comentários 10 de fevereiro de 2012

Notas Gerais


Barraco no enterro
A filha do cantor Wando, morto na quarta-feira (08), impediu que o também cantor Agnaldo Timóteo, vereador em São Paulo pelo PR, discursasse no enterro do pai, na manhã de quinta-feira (09), em Belo Horizonte. Logo depois que o padre Jeferson Moreira, que conduzia a cerimônia fúnebre, passou o microfone para Agnaldo Timóteo, a filha de Wando, Gabriela, gritou: "Tira o microfone deste homem, que ele falou mal do meu pai". Timóteo, então, desistiu de falar. Em entrevista, ele disse que antes da filha de Wando nascer os dois já eram muito amigos. "Mas entendo a emoção da família. Foi uma cerimônia muito bonita, mas infelizmente aconteceu isso", concluiu.

Dilma com Chávez
A Presidente Dilma Rousseff vai se reunir com o mandatário venezuelano, Hugo Chávez, no próximo mês de março para analisar acordos de cooperação. "Em março, estaremos cumprindo com o combinado de (nos reunir) a cada três meses", informou Chávez, explicando que os encontros trimestrais foram estabelecidos na gestão de Luiz Inácio Lula da Silva. O venezuelano se reuniu na quarta-feira, 08, com o vice-ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior brasileiro, Alexandre Teixeira, com quem revisou questões estratégicas nas áreas de energia, agricultura, finanças, petróleo, entre outras. Não foi definida, ainda, a pauta da próxima reunião entre Dilma e Chaves.

Orçamento revisto
Os negociadores do corte das despesas orçamentárias de 2012 já falam em um bloqueio de recursos dos ministérios igual ou menor a R$ 55 bilhões. A última palavra será dada pela presidente Dilma Rousseff. Autoridades que participam das discussões dizem que um bloqueio de R$ 60 bilhões, como vinha sendo cogitado, seria um empecilho muito severo à expansão do Produto Interno Bruto. O governo espera, para 2012, um ano um crescimento de 4% a 5%, a depender do cenário internacional. Existe uma sinalização de que haverá novas reduções da taxa de juros, o que também pode contribuir para atingir a meta. O assunto está sendo exaustivamente debatido pelos setores econômicos.

Mares mais cheios
As geleiras e áreas cobertas por gelo na Terra perderam 536 bilhões de toneladas por ano entre 2003 e 2010, o que resultou na elevação de 12 milímetros no nível médio do mar nesse período, segundo aponta um estudo feito por cientistas da Universidade do Colorado, nos EUA, e publicado na edição on-line da revista "Nature". O volume derretido por ano equivale a, aproximadamente, o dobro da quantidade de água que existe no Rio Amazonas e corresponde a cerca de 0,002% de toda a quantidade de gelo que se estima existir no mundo. Autoridades ambientais de vários pontos do mundo estão debruçadas sobre o novo dado, devendo se pronunciar sobre o assunto em breve.

Lula não samba
Por recomendação médica, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não vai mais desfilar na Escola de Samba “Gaviões da Fiel”, que neste ano contará, na avenida, a história do ilustre corintiano. Na avaliação dos médicos, embora o Ex-Presidente Lula esteja reagindo bem ao tratamento e apresente regressão do tumor, a exposição neste momento é "expressamente proibida". A escola será a sexta a entrar no sambódromo de São Paulo, no sábado de Carnaval, dia 18. O ex-presidente desfilaria no último carro "Homenagem da nação corintiana ao povo brasileiro". A assessoria de Lula não se pronunciou a respeito da decisão tomada pela equipe médica que está cuidando dele.

Luz amarela
A inadimplência do consumidor cresceu 16,6% em janeiro frente ao mesmo mês de 2011, segundo indicador divulgado na quinta-feira, 09, pela Serasa Experian. Já na comparação com dezembro, houve variação negativa de 0,4%. De acordo com a Serasa, todas as modalidades da inadimplência apresentaram alta no valor médio das dívidas na comparação anual. A inadimplência não bancária (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços) cresceu 65,8%. Já os cheques sem fundos apresentaram alta de 13,3%, assim como os títulos protestados e as dívidas com os bancos, que aumentaram 4,2% e 0,1%. O mercado financeiro reagiu com preocupação.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

PROCON vê medidas para impedir os abusos nos preços

16/11/2017

A superintendente do Procon Goiás, Darlene Araújo, afirmou na última terça-feira, 14, que, em conjunto com a Delegacia do...

Dona de casa tem direito aos benefícios do INSS?

16/11/2017

A Previdência Social é o ombro amigo da população brasileira, e tem como um dos princípios a solidariedade que busca amp...

Conferência debate os rumos da saúde

16/11/2017

A 10ª Conferência Municipal de Saúde será realizada nos dias 04, 05 e 06 de dezembro próximo. Na oportunidade, serão de...

Joanápolis sedia a Festa do Milho

16/11/2017

Agregar valor à produção local e movimentar a economia. É com este objetivo que a Prefeitura, via Secretaria Municipal de...