(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 323

Geral Comentários 15 de julho de 2011

Notas Gerais


Cassação
O Ministério Público Eleitoral apresentou recurso ao TSE pedindo a cassação dos mandatos do prefeito reeleito de Itapajé (CE), Francisco Marques Mota (PP), e de seu vice, José Jonairton Alves Sales (PT), por compra de votos. Eles teriam prometido a instalação de uma fábrica de calçados no município, com criação de diversos empregos, em troca de votos de eleitores, durante a campanha de 2008. Para o Ministério Público, houve equívoco na valoração das provas dos autos pelo TRE do Ceará, que rejeitou a ação contra o prefeito e seu vice, e destaca que o abuso de poder econômico no caso desequilibrou o processo e influenciou no resultado da disputa para a prefeitura.

Menos álcool
A quebra da safra da cana-de-açúcar obrigou as usinas da região centro-sul do País a reduzirem em 11,61% a estimativa de produção de etanol e em 6,36% a fabricação de açúcar neste ano. A projeção é produzir 22,54 bilhões de litros de etanol e 32,38 milhões de toneladas de açúcar. A quebra da safra elevou em 9,60% o preço do açúcar cotado na Bolsa de Nova York ao preço de US$ 0,3014 por libra-peso. Com relação ao etanol hidratado, a safra desfavorável tem pressionado aumento nos preços com margem de até R$ 0,20. Já para o etanol anidro, não há previsão. Por causa disso, o governo federal estuda reduzir a mistura de anidro na gasolina dos atuais 25% para 18%.

Estranha adoção
Uma americana adotou a própria filha biológica em Los Angeles mais de 40 anos depois de ela ter sido sequestrada pela babá. Ronique Smith, hoje com 41 anos, foi levada de casa aos três meses de idade pela babá, Shirley Berthelot. A mãe dela, Jolene Coleman, diz ter passado a vida tentando achar a menina, sem sucesso. O reencontro só foi possível, tanto tempo depois, devido a uma série de coincidências. Após sequestrar Ronique ainda bebê, Shirley teria dado a menina para uma amiga, Barbara Christie, que a adotou legalmente junto com o marido. Neste momento, os direitos legais de Coleman em relação à filha terminaram, apesar de ela nunca ter sido contatada sobre o assunto.

Crescendo menos
Ao contrário do que aconteceu nos últimos três anos, o Brasil crescerá em 2011 menos do que a média dos países latino-americanos, aponta estudo feito pela Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe. Com crescimento de 4% do PIB, o País, que tem quase 42% da soma das 33 economias analisadas, puxará para baixo o desempenho regional. Este ano deverá ficar em 4,7%, ante 5,9% em 2010 Na América do Sul, o crescimento médio deve ser de 5,1%, ante 6,4% no ano passado. O relatório destaca o momento positivo da região, que atribui ao aumento do consumo privado, do crédito, do investimento e da demanda externa por produtos agrícolas e minerais.

Surpresa macabra
Uma enfermeira descobriu que o marido havia morrido na quarta-feira, quando socorria as vítimas do acidente entre um caminhão e um ônibus que transportava trabalhadores rurais no km 355 da rodovia Jurandir Siciliano (SP-255), na altura do município de Itaporanga, no interior de São Paulo. Trabalhando no hospital da cidade, ela foi surpreendida ao saber que o marido Ricardo de Campos, 30 anos, era quem conduzia o caminhão. Ela precisou ser socorrida e medicada. Além de oito mortos, o acidente, que deixou 12 feridos graves e outros nove considerados leves. Os feridos com gravidade, a maioria com traumatismo craniano, foram transferidos para vários hospitais da região.

Longa espera
Mais de sete meses depois de começar a nova legislatura, três ex-governadores, tornados inelegíveis pela Ficha Limpa antes do STF (Supremo Tribunal Federal) vetar a lei para as eleições do ano passado, ainda aguardam para tomar posse no Senado. São eles João Capiberibe (PSB), Cássio Cunha Lima (PSDB) e Jader Barbalho (PMDB). "Perdi cinco anos do outro mandato, e agora já perdi mais seis meses deste", afirmou o ex-governador do Amapá João Capiberibe (PSB), cassado em 2004 por suspeita de compra de votos quando se elegeu senador dois anos antes. Nas duas vezes, assumiu Gilvam Borges (PMDB), apadrinhado do presidente do Senado, José Sarney (PMDB).

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Lei mira a perturbação do sossego público

14/09/2017

O Prefeito Roberto Naves (PTB) encaminhou à Câmara Municipal um projeto promovendo modificações na Lei Complementar 279/2...

Aumenta demanda por atendimento

08/09/2017

Revelados nesta segunda feira (4), pela dirigente do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Eriz...

Prazo para adesão próximo de acabar

31/08/2017

Contribuintes que estão inadimplentes com a Prefeitura de Anápolis têm até o dia 14 de setembro para quitar suas dívidas...

Ação contra Carla Santillo prescreveu

31/08/2017

A 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) entendeu estar prescrita a ação em desfavor de Carl...