(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 275

Geral Comentários 30 de julho de 2010

Notas Gerais


Elas por eles
Pela primeira vez, a saúde mental da população infanto-juvenil brasileira foi avaliada por um estudo científico. Pesquisadores do Projeto Atenção Brasil analisaram o comportamento de meninos e meninas de diferentes Estados do País e concluíram que estudantes do sexo feminino têm 59% a mais de chance de alcançar um desempenho escolar acima da média do que os do sexo masculino. Segundo eles, a explicação está no comportamento e na forma como ambos lidam com as emoções. As meninas apresentam melhores índices de saúde mental. O estudo comprovou que meninos estão mais sujeitos a dificuldades emocionais, problemas de conduta e de habilidade social.

Fidel escritor
O ex-presidente cubano Fidel Castro anunciou a publicação do primeiro de dois volumes de suas memórias de guerrilheiro, no sinal mais recente de sua recuperação após quatro anos de convalescença. "A vitória estratégica", o primeiro volume, narra uma batalha na qual seu exército rebelde de 300 homens derrotou em 1958 10 mil soldados do ditador Fulgêncio Batista, escreveu Castro no site oficial. O livro estará nas ruas no início do mês de agosto. "Eu, que trabalhei meses sobre o tema depois de minha doença grave, agora estou muito animado para continuar a escrever a segunda parte desta história, que será intitulada 'A contra-ofensiva estratégica final'", acrescentou ele.

Pediatras de menos
Está diminuindo o número de médicos pediatras no Brasil. Em 1999, 1583 recém-formados se candidataram ao título nessa especialidade, de acordo com dados da Sociedade Brasileira de Pediatria. Segundo o último levantamento, realizado no ano passado, o número passou para 794, uma redução de 50% em dez anos. A demanda para residência nessa área também caiu. Basicamente, a redução se dá pela baixa remuneração. O pediatra é o profissional que deve estar presente na vida de crianças e adolescentes desde o aleitamento materno, passando pelas imunizações, pelo acompanhamento e orientações para um crescimento e um desenvolvimento saudáveis.

Genéricos demoram
O atraso da Anvisa na aprovação de novos medicamentos genéricos está causando grande prejuízo ao governo. Enquanto a Anvisa demora de um lado, levando em média 14 meses para fazer o que deveria ser feito em 90 dias, o Ministério da Saúde paga muito dinheiro por medicamentos que já poderiam custar bem menos. Dois exemplos: os comprimidos de micofenolato de sódio e as cápsulas de Tracolimo 1 mg, usados para pacientes transplantados. Em maio, o ministério comprou quase 17 mil de um e 24 mil do outro. O volume é grande e os valores idem: R$ 99 milhões e R$ 88 milhões, respectivamente. Em ambos os casos os medicamentos são comprados sem licitação.

Mineração recorde
O Plano Mineral 2030, que será lançado na segunda quinzena de agosto, estima que a produção brasileira de ferro atingirá 1 bilhão de toneladas anuais daqui a 20 anos. O volume estimado é 150% superior às cerca de 400 milhões de toneladas produzidas no ano passado. Já a produção de aço deverá crescer 288,67%, passando das 26,5 milhões de toneladas do ano passado para 103 milhões de toneladas em 2030. Os dados foram apresentados pelo diretor do Ministério de Minas e Energia, Fernando Lins, que esteve no 65º Congresso Internacional da Associação Brasileira de Metalurgia, Minerais e Mineração e defendeu maior agregação de valor ao minério que é produzido no Brasil.

Alunos nos bancos
A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) assinou um protocolo de intenções com o Ministério da Educação, a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e a Secretaria de Políticas para as Mulheres, para valorizar a diversidade no setor bancário. Os bancos cederão 10% das vagas de estágio para alunos do Programa Universidade para Todos (ProUni), que dá bolsas integrais e parciais a alunos de baixa renda. O objetivo é proporcionar "oportunidades de inserção no mercado de trabalho" a negros originários do ProUni e a jovens de maior vulnerabilidade social. No primeiro ano do acordo, que já está valendo, cerca de 600 jovens poderão obter estágio nas instituições.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Convênios públicos têm nova regulamentação

11/05/2017

A Câmara Municipal realizou audiência pública nesta quinta-feira,11, em conjunto com a Prefeitura de Anápolis, para trata...

Corpo encontrado em lago é de empresário anapolino

04/05/2017

Na noite desta quinta-feira, 04, informação colhida pelo Jornal “A Voz de Anápolis”, junto a um irmão de Edmar Almeid...