(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed. 273

Geral Comentários 16 de julho de 2010

Notas Gerais


Mais juros
A taxa média de juros cobrada nos financiamentos à pessoa física subiu novamente em junho. Os juros médios ficaram em 6,90% ao mês, registrando a maior taxa desde fevereiro de 2010 (6,92%). Em maio, a taxa era de 6,86%. De acordo com dados divulgados pela Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade), esse aumento pode ser atribuído à elevação da taxa básica de juro (Selic) de junho, que ficou em 10,25% ao ano. Com relação à taxa média registrada no mesmo período de 2009, houve recuo de 36 pontos-base (0,36 ponto percentual), pois, em junho daquele ano, a taxa média era de 7,26% ao mês.

Menos madeira
A extração ilegal de madeira caiu 22 por cento no mundo na última década, mas continua sendo preocupante do Brasil à Indonésia, segundo um estudo publicado pela entidade britânica Chatham House. A China é o maior importador e processador de madeira ilegal, produzindo compensados e móveis que rendem bilhões de dólares anuais, principalmente em exportações para EUA, Japão e Grã-Bretanha. "A produção global total de madeira ilegal caiu 22 por cento desde 2002", segundo o relatório, que abordou a situação em Brasil, Indonésia, Camarões, Gana e Malásia. No Brasil, em que pese o esforço do governo Federal, o desmatamento é um dos maiores do mundo.

Mais carros
O grande crescimento das exportações de veículos este ano se deve ao baixo número de referência no ano passado. Em 2009 o Brasil driblou a crise no mercado interno, adotou medidas de incentivo, com a redução do IPI, e o mercado cresceu. Mas os principais clientes externos não tiveram a mesma sorte - ou a mesma competência - para dar a volta por cima. Entraram numa crise profunda e cancelaram os pedidos, deixando de comprar milhares de veículos do Brasil. Então, o que se vê hoje é uma recuperação, no entanto, bem acima das expectativas das montadoras. No balanço de 2009 a Associação dos Fabricantes – fez uma previsão de crescimento de 11,5% nas vendas externas.

Menos cursos
A Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação abriu processos administrativos contra instituições do Amazonas e Espírito Santo. Além disso, determinou o fechamento de cursos e descredenciamento de outras faculdades, em São Paulo, Goiás e Bahia. As decisões foram publicadas em portarias e despachos nesta quinta-feira, no Diário Oficial da União. Sem autorização, a Faculdade Instituto do Brasil, de Anápolis (GO), oferecia o curso de farmácia nos finais de semana e, segundo nota do Ministério, será punida pela fraude. Além de desativar a graduação, a faculdade terá de transferir os alunos para outras instituições para concluírem seus estudos.

Menos tarifa
A tarifa de energia elétrica poderá cair, em média, 2,7% no próximo ano se o Governo Federal não prorrogar a cobrança da Reserva Global de Reversão. Esse encargo foi criado em 1957 e tem período de vigência até dezembro. Ela é cobrada como parte do lucro das empresas e, um valor equivalente é repassado às contas dos consumidores brasileiros, fazendo a tarifa subir. O saldo desse encargo é um segredo guardado a sete chaves pelo governo. O dado não é publicado no balanço da Eletrobras, mas, segundo dois executivos da estatal, essa reserva tem hoje patrimônio de cerca de R$ 6,5 bilhões, sem contar outros milhões de reais em crédito a receber de investimentos já efetuados.

Mais fraude
A obrigatoriedade das aulas noturnas para motoristas está em vigor há dois meses, mas já virou alvo de fraude. O primeiro caso foi descoberto pelo DETRAN na Auto Escola Legal, em Pinheiros, zona oeste de São Paulo. A dona, Claudia Fabiana Leite, foi presa em flagrante por falsidade ideológica, crime inafiançável. A unidade está relacionada numa lista com pelo menos 15 autoescolas investigadas na cidade por burlar as aulas à noite. Cláudia é acusada de marcar as aulas para um jovem de 19 anos em nome de um ex-instrutor da unidade. No horário em que o aluno deveria estar dirigindo, ela inseria no sistema a informação de que as aulas estavam ocorrendo usando a sua digital.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Capitão Waldyr pode ser nome da Plataforma

13/07/2017

Decano da indústria, com uma folha de mais de 60 anos prestados aos classismo e, em especial, à Federação das Indústrias...

Prevista redução de construtores com novas exigências do MC

13/07/2017

A exigência do Ministério das Cidades para que todos os pequenos e médios construtores tenham o Cadastro Nacional da Pesso...

Anápolis presente no Conselho Nacional de Juventude

06/07/2017

A assessora de juventude da Secretaria Municipal de Cultura, Larissa Pereira, foi eleita para ocupar uma das três cadeiras d...

Ubiratan Lopes é empossado na presidência da FACIEG

29/06/2017

O empresário anapolino Ubiratan da Silva Lopes foi empossado na presidência da Federação das Associações Comerciais, In...