(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Troca de comando na Base Aérea

Geral Comentários 16 de janeiro de 2015

Mudança ocorreu no 2º/6º ocorreu no esquadrão do Sistema de Vigilância da Amazônia


Na última quarta-feira,15, foi realizada a solenidade de troca de comando no Segundo Esquadrão do Sexto Grupo de Aviação (2º/6º Gav) da Base Aérea de Anápolis. O evento contou com a presença de várias autoridades militares e políticas, dentre elas, o comandante da Terceira Força Aérea, brigadeiro do ar Mário Luís da Silva Jordão; o comandante da Base Aérea de Anápolis, coronel aviador Rodrigo Fernandes Santos; o Prefeito João Gomes; o presidente da Câmara Municipal, Lisieux Borges; o promotor de Justiça, Marcelo Henrique dos Santos, dentre outras
Durante o ato, o coronel aviador Alexandre Hoffnann transmitiu o cargo para o sucessor, o tenente-coronel aviador Jorge Marques de Campos Júnior. O 2º/6º Gav foi criado em 1999 e, no ano de 2000, no governo do então presidente Fernando Henrique Cardoso, foram incorporadas as aeronaves Embraer E 99, concebidas para atuar nos projetos Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) e Sistema de Vigilância da Amazônia (Sivam). De acordo com a Força Aérea, as aeronaves E-99 constituem-se no sistema mais avançado e de menor custo para o emprego em missões de controle e alarme em voo. Capaz de fornecer dados de inteligência precisos, em tempo real, sobre aeronaves voando à baixa altitude, o E-99 pode ainda desempenhar missões de comando e controle, inteligência de sinais e comunicações, controle e vigilância de fronteiras, vigilância marítima, coordenação de operações de busca e salvamento, posto de comunicação no ar e gerenciamento de espaço aéreo. Na América Latina, apenas o Brasil e o Chile possuem aeronaves com essa tecnologia.
Este ano, a Força Aérea divulgou os seus projetos estratégicos- com a denominação “Construindo o Futuro”- que prevê uma série de investimentos, dentre eles, a aquisição de 36 aeronaves de caça Gripen NG, fabricados pela empresa sueca SAAB AB, que serão os substitutos da frota de Mirages, e a atualização dos radares de vigilância aérea e dos sistemas aeroembarcados das aeronaves E 99, que terão a designação de E-99M.

Comando da Aeronáutica
O Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, 63 anos, será o novo Comandante da Aeronáutica. O anúncio foi feito há poucos dias pela Presidenta da República Dilma Rousseff. O Tenente-Brigadeiro Rossato substitui o Tenente-Brigadeiro Juniti Saito, que estava no cargo desde 2007. Natural de São Gabriel, Rio Grande do Sul, o Tenente-Brigadeiro Rossato ingressou na Força Aérea Brasileira em março de 1969. Foi promovido ao posto de tenente-brigadeiro em março de 2011. Durante sua carreira de 46 anos dedicados à vida militar assumiu o comando, a chefia e a direção de diferentes organizações da Aeronáutica, a maior parte na área operacional da Força Aérea Brasileira.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Programa ID Jovem completa primeiro ano de vigência

08/12/2017

A Secretaria Nacional de Juventude comemora os bons resultados do Programa Identidade Jovem. Em 1 ano de vigência da iniciat...

Aumenta para oito anos prisão de bêbado que dirige e mata

08/12/2017

Após cinco anos de espera, o projeto 5568/2013 foi aprovado pela Câmara dos Deputados. A análise ocorreu na sessão desta ...

Pesquisa aponta intenção de compras dos anapolinos

08/12/2017

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Anápolis acaba de divulgar a pesquisa de intenções de compras do consumidor anap...

Residencial Copacabana recebe plantio de mudas de árvores

08/12/2017

Preservar o meio ambiente e cuidar do planeta. Foi com esta disposição que estudantes do 1º e 2º ano do Ensino Médio do ...