(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Telecentros nos distritos ganham novos materiais didáticos

Educação Comentários 29 de dezembro de 2017

Cadernos Eletrônicos da Escola do Futuro são dispobilizados aos alunos


Os Telecentros instalados nos distritos de Interlândia, Souzânia e Joanápolis passam a utilizar como subsídio e materiais de apoio os Cadernos Eletrônicos da Escola do Futuro, da Universidade de São Paulo (USP), que foi eleito um dos melhores programas de inclusão digital do mundo pela ‘Fundação Bill e Melinda Gates’. O projeto foi apresentado à atual gestão no início de dezembro e, assim, o material didático foi adequado a realidade de cada região.
Desta forma, a inclusão digital se dá de forma criativa e interativa por meio de dez passos: como criar, usar e gerenciar e-mails; editoração de textos; planilhas eletrônicas e gráficos; navegação e pesquisa na internet; publicação de conteúdos na internet; uso de impressoras e tratamento de imagens; comunidades e redes sociais; navegação segura; multimídia, vídeo e áudio; aplicativos online.
Para o vice-prefeito e secretário de Governo, Márcio Cândido, o que parece simples para aqueles que estão inseridos na Sociedade da Informação é um desafio para os que estão a margem do acesso e manuseio das novas tecnologias. “Nossa proposta é incluir os agricultores, a comunidade da zona rural, os idosos, para que possam utilizar o computador e a internet no cotidiano e se beneficiarem da tecnologia”, destaca.
Segundo a diretora de Ações Governamentais, Letícia Jury, durante todo o ano de 2017 os telecentros realizaram oficinas e cursos. Em Interlândia e Souzânia as atividades foram voltadas para as crianças e adolescentes que participam do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, enquanto em Joanápolis as ações foram voltadas a educação digital de jovens e adultos.
Em 2018, a expectativa é ampliar as atividades para que a comunidade seja motivada a participar mais das ações do Telecentro. “É preciso romper esta barreira, este medo que muitos têm da tecnologia. Somente assim conseguiremos promover uma inclusão digital efetiva”, aposta a diretora. Para participar das atividades, basta se dirigir ao Telecentro e conversar com os instrutores. As inscrições para os cursos começam na primeira semana de janeiro.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Educação

Acadêmicos da UniEVANGÉLICA fazem ato alertando sobre a questão do suicídio

25/04/2019

Foi apenas um abraço simbólico, mas por trás de todas aquelas mãos dadas, estava uma comunidade inteira pedindo ajuda. A ...

Controladoria divulga inspeção sobre o Pronatec/Universidade Estadual de Goiás

25/04/2019

A Controladoria Geral do Estado de Goiás tornou público o Boletim de Inspeção que trata de possíveis irregularidades na ...

Associação Educativa Evangélica celebra 58 anos do Instituto Superior de Educação

17/04/2019

Uma instituição que contribui para o ensino da Pedagogia com excelência. Assim pode ser definido o Instituto Superior de E...

Alunos promovem paralisação na UEG

13/04/2019

Os alunos da Universidade Estadual de Goiás – Campus Anápolis de Ciências Exatas e Tecnológicas – “Henrique Santill...