(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

TCA cria Manual de Gentileza para viajar de ônibus

Geral Comentários 02 de dezembro de 2011

A primeira dica é nunca esquecer as palavrinhas mágicas: “com licença”, “por favor”, “obrigado”, “desculpe”


Andar de ônibus é um ritual que exige gentileza, educação e cidadania, como em todos os espaços públicos. Por isso, conheça algumas regras da boa convivência desenvolvidas pela TCA, que podem tornar prazerosa a sua viagem no sistema de transporte coletivo urbano. A preocupação consigo mesmo, o pouco tempo para o outro, os tempos "sem-tempo" fazem com que as pessoas se esqueçam de serem gentis. Gentileza significa cortesia, amabilidade, fidalguia, bom tratamento. Tem um poder muito grande e relação direta com a inteligência, bem como denota elevação moral ou mesmo educação.
As pessoas estão cada vez mais individualistas, e isso se reflete na maneira como comportam-se dentro do ônibus e outros lugares públicos. Em Anápolis não é diferente, mas você pode fazer a diferença. A gentileza no ônibus depende do hábito. Comece hoje a cultivá-la. Há muitas maneiras de adquirir esse hábito, mas precisa ter disciplina e força de vontade.

Dicas para uma boa viagem

Pronuncie sempre as palavrinhas mágicas: “com licença”, “por favor”, “obrigado”, “desculpe

Principalmente de manhã, preze pelo silêncio. Se reencontrar uma amiga, por exemplo, fale baixo. No celular também

Não pense apenas no vento que vai estragar seu penteado, mas também na circulação necessária para todos. Nos dias quentes, por exemplo, abra as janelas, sempre. E se estiver chovendo, pense no coitado que está atrás levando água

Ceder a vez, ou o lugar, para idosos, gestantes e pessoas com dificuldades físicas

Ajudar as pessoas com dificuldade física a subir e descer as escadas

Desejar bom dia ao motorista e ao (à) cobrador (a). A pessoa do lado também merece um sorriso ou um cumprimento

Respeitar a sua vez de subir ou descer e dar a preferência para idosos, gestantes, pessoas com dificuldade física ou pareçam aflitas ou necessitadas

Evitar fumar. Mais que uma gentileza esta é uma questão de cidadania

Mantenha a distância mínima necessária das pessoas sempre que possível. Em pé, não se apóie no corpo delas, nem encoste a sacola plástica no rosto de quem está sentado

Não colocar suas sacolas de compras no banco ao lado. Elas não precisam descansar como as pessoas que voltam do trabalho em um dia cansativo
Nunca sente no lugar reservado para idosos. Não é à toa que está escrito PARA IDOSOS. E não faça cara de desentendido nem durma para disfarçar a gafe

Não seja espaçoso. Ocupe apenas o seu lugar. Isso vale para malas e bolsas. Coloque-as no colo ou no chão

Caso você tenha um filho de até três anos, ele também pode viajar no colo caso o ônibus esteja muito lotado

Reforce o desodorante ou até se possível, tome um banho, se estiver muito sujo. As pessoas do lado agradecem

Se estiver de mochila, tire-a das costas e leve-a na frente. O mesmo vale para bolsas gigantes femininas e malas

Fique o mais próximo possível da porta quando for descer. E, se precisar sair depressa, faça-o com cuidado sem levar um pedaço de cada pessoa junto.

Para ouvir música, tenha um fone de ouvido. Isso serve também para os 'celular-tv' e qualquer outro objeto que emita algum som que possa ser desagradável aos ouvidos alheios. Isso se aplica, na verdade, em qualquer lugar público!


Em hipótese alguma, adentre o coletivo com salgadinhos e saquinho com cheiro de pé


Jamais leve biscoito de polvilho. O barulho de mastigação é bastante inconveniente


Se for viajar com criança pequena, leve mamadeira, chupeta ou qualquer coisa que a silencie durante o trajeto


Se estiver resfriado, cuide para que o lenço de papel com coriza não saia voando no ônibus.


Não tire o sapato, a não ser que tenha certeza que a limpeza esteja em dia. Chulé, ninguém merece

Pega mal passar o trajeto inteiro paquerando no celular em voz alta


Evitar falar alto dentro do ônibus, principalmente quanto estiver usando o celular
Dispensar gracejos e galanteios deselegantes. Senhoras e senhoritas merecem respeito e agradecem o cavalheirismo. Isso vale também para as “encostadas”

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Convênios públicos têm nova regulamentação

11/05/2017

A Câmara Municipal realizou audiência pública nesta quinta-feira,11, em conjunto com a Prefeitura de Anápolis, para trata...

Corpo encontrado em lago é de empresário anapolino

04/05/2017

Na noite desta quinta-feira, 04, informação colhida pelo Jornal “A Voz de Anápolis”, junto a um irmão de Edmar Almeid...