(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Sola de sapato

Contexto Político Comentários 30 de julho de 2010

Os candidatos a cargos proporcionais (deputado estadual e federal) estão gastando muita sola de sapato nesta fase da campanha.


Sola de sapato
Os candidatos a cargos proporcionais (deputado estadual e federal) estão gastando muita sola de sapato nesta fase da campanha. Por enquanto, o trabalho é concentrado em reuniões com segmentos organizados, visando ganhar o voto dos formadores de opinião.
A expectativa é de que, a partir de agosto, de fato, a campanha comece efetivamente a deslanchar. Mas, a movimentação não será, nem de longe, igual à eleição para prefeito e vereador. Portanto, a televisão vai ser o principal canal para os candidatos atingirem a grande massa do eleitorado. Sem a possibilidade de shows, os comícios não são atrativos para este tipo de campanha. O horário gratuito de rádio e televisão, também, não é lá muito grande e, por isso, o corpo-a-corpo será fundamental. Vai valer a criatividade para se utilizarem outros meios, como a internet.

Descaso
Informações desencontradas, num mesmo dia, sobre a audiência pública do Aeroporto de Cargas. Dia 29 de julho, ou dia dois de agosto? Fica a impressão de desrespeito e descaso para com a cidade, em relação a uma obra que vai refletir na economia de todo o Estado e que, infelizmente, foi transformada em uma bandeira política nesta campanha eleitoral. Sem maiores comentários. O melhor é aguardar e ver se o projeto sairá ou não do papel. Tomara que sim.

Dilma
O deputado federal Rubens Otoni, candidato à reeleição pelo PT e um dos coordenadores da campanha de Dilma Rousseff à Presidência da República, falou a esta coluna que ainda não há previsão de uma agenda de atividades da presidenciável no Estado. Segundo ele, primeiro é necessário que os comitês estejam preparados para isso, tanto em relação ao material de divulgação, quanto de pessoal. O que está sendo feito, agora, junto com o corpo-a-corpo das lideranças regionais.

Bem na fita
O prefeito Antônio Gomide (PT) recebeu elogios à sua administração, na terça-feira, 27, por parte do governador Alcides Rodrigues. No dia seguinte, o candidato do PMDB, Íris Rezende, também descarregou elogios à gestão do petista na cidade que acaba sendo uma vitrine da campanha política no Estado.

Senado
Não é só a disputa para o Governo do Estado que está esquentando. A concorrência às duas vagas no Senado Federal, também, promete. O candidato ao cargo pela coligação Goiás Rumo ao Futuro (PMDB/PT/PC do B), Adib Elias, virou presença constante nos atos políticos da aliança no Município. Ele acompanhou o candidato Íris Rezende, na agenda da última quarta-feira, 28. Segundo Adib, as viagens ao interior goiano permitem apresentar aos eleitores suas propostas na área da educação, meio ambiente e, principalmente, saúde.

Chaveiro
O ex-vereador José Chaveiro, que estava presente na solenidade de inauguração da Farmácia de Alto Custo, na última terça-feira, 27, acabou surpreendido na fala com a citação de seu nome pelo governador Alcides Rodrigues, que o agradeceu pelo apoio dado quando foi nomeado interventor no Município, com o afastamento do então prefeito Ernani de Paula, do qual Chaveiro fazia parte da bancada de apoio na Câmara de Vereadores.

Mulher na SSP
Pela primeira vez, a Secretaria de Segurança Pública de Goiás, terá em seu comando uma mulher. A delegada Renata Chein, que já atuou em Anápolis, ocupa a Pasta, no restante que falta para o cumprimento do mandato de Alcides Rodrigues. Ela é filiada ao PP e já passou por diversos cargos na Polícia Civil. Atualmente, era titular da Delegacia de Repressão a Narcóticos.

Humor
No twitter, o senador e candidato à reeleição pelo DEM, Demóstenes Torres, comentou a ausência de humor nas campanhas políticas: “Se é contra representação artística não pode exercer a arte de representar. Candidato a cargo público tem de se expor, para não fazer nada escondido. O humor não apenas faz rir: conscientiza e alerta; só ridiculariza os ridículos. O que tem de tirar da campanha não é o humor, é a compra de voto”.

Mote
O candidato do PSDB, Marconi Perillo tem deixado evidente que o mote de sua campanha, neste pleito, será a proposta de inclusão digital dos jovens e, também, a criação de parques tecnológicos no Estado. Em sua avaliação, muitas empresas de alta tecnologia, estão sinalizando interesse em aportar investimentos em Goiás. “Parques tecnológicos nas diversas regiões ajudarão desenvolver o Estado. TI é o caminho para Goiás. Anotem”, pontua o tucano.

Momento
A senadora Lúcia Vânia (PSDB), candidata à reeleição, tem afirmado que vive um momento ímpar ao longo dos seus quase 30 anos de vida pública e que, segundo ela, “é o reflexo de uma trajetória política conduzida com muita retidão. O reencontro com o eleitor é o motivo maior do contentamento da parlamentar, que reconhece a dificuldade da disputa este ano. É gratificante ver as pessoas do nosso lado, apoiando nossa candidatura. Isso nos entusiasma e incentiva a trabalhar mais”, ressalta.

Chá
Candidata a deputada estadual pelo PC do B, a professora Lúcia Rincon distribuiu um convite que, no mínimo, chama a atenção: o “Chá de Campanha”. Na verdade, um chamamento às pessoas que queiram colaborar com a sua campanha. O evento será nesta sexta-feira, 30, em seu comitê. É a criatividade ganhando asas nesta campanha.

Dim-dim
O candidato ao governo do Estado pela Coligação Goiás no Rumo Certo, Vanderlan Cardoso (PR), disse, em sua participação no debate promovido pela Fonte TV, que não terá problemas em aplicar uma gestão voltada à infra-estrutura, já que herdará o Estado com as contas em dia do atual governador Alcides Rodrigues (PP). “Poderemos investir desde o início de nossa gestão em estradas, energia, saneamento e demais áreas, sem nos preocupar com os problemas orçamentários que os antigos governadores tiveram”.
Menos um
Fernando de Almeida Cunha, vereador de primeiro mandato em Anápolis, retirou sua candidatura a deputado estadual pelo PSDB. Ele disse que recebeu convite do Senador Marconi Perillo para coordenar a campanha tucana no Município. Abre caminho para os outros sete vereadores que concorrem ao cargo. Sem contar que não atrapalhará o companheiro de sigla, Ridoval Chiareloto, que, também, pretende ser deputado estadual. E, de quebra, se tudo correr bem, estará com “um pé” em um eventual secretariado de Marconi. Ponto.

QG político
A coligação "Goiás Quer Mais" inaugurou na última quinta-feira, 29, o Comitê Central de Marconi Perillo. O QG do candidato tucano ficará situado na Avenida Anhanguera, nº 3540, esquina com a 5ª Avenida no, setor Vila Nova. A ideia é fazer do local um ponto de referência para a militância dos partidos que apóiam a candidatura e, claro, também, para os eleitores simpatizantes.

Mídia
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) realiza no dia 4 de agosto, às 9 horas, em seu auditório, uma reunião com os representantes dos partidos políticos e dos veículos de comunicação, uma reunião para definir questões sobre a veiculação da propaganda no horário gratuito de rádio e TV, dentre elas, a distribuição do tempo destinado ao programa em rede, o sorteio da ordem de veiculação do primeiro programa eleitoral gratuito e a escolha das emissoras geradoras. O início do período da propaganda eleitoral gratuita no rádio e televisão será dia 17 de agosto, 47 dias antes do primeiro turno das eleições.

Calendário eleitoral
31julho - TSE pode requisitar até 10min/dia em rádio e TV;
A partir de 04 de agosto - Prioridade postal a partidos políticos;
Até 04 de agosto - Preenchimento de vagas remanescentes para eleições proporcionais, por substituição ou anulação de convenção;
Até 04 de agosto - Designação de localização de mesas receptoras e nomeação de seus membros e de Juntas Eleitorais;
Até 04 de agosto - Publicação das nomeações de mesários;
Até 04 de agosto - 2ª via do título para quem estiver fora do domicílio eleitoral.

Simulação
O Tribunal Superior Eleitoral está disponibilizando em seu site um simulador de votação. A ideia é incentivar a participação dos eleitores no pleito de outubro próximo. Depois de ler as instruções, o eleitor pode fazer a simulação de voto na eleição nacional e no Distrito Federal. Por se tratar de um simulador, o eleitor/internauta vai encontrar candidatos e legendas fictícias: o Partido das Formas Geométricas (PFG) - 91, o Partido das Frutas (PF) - 92, o Partido dos Animais (PA) - 93, o Partido dos Brinquedos (PB) - 94, e o Partido dos Esportes (PE) - 95. Ele terá de escolher os seus candidatos para os cargos de deputado estadual (ou distrital), deputado federal, senador (duas vagas), governador e presidente.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Contexto Político

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.631

20/07/2017

Contexto Político...

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.630

13/07/2017

Contexto Político...

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.629

06/07/2017

Contexto Político...

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.628

29/06/2017

Contexto Político...