(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Sindicato Rural integra ação para proteção de nascentes

Meio Ambiente Comentários 06 de novembro de 2015

Programa é desenvolvido em nível nacional e, em Goiás, por iniciativa da faeg e do Senar. Lançamento será nesta sexta-feira,06


Com o intuito de preservar o meio ambiente e as nascentes da região, o Sindicato Rural de Anápolis, aderiu ao programa Nacional de Proteção de Nascentes. A iniciativa realizada pela Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Goiás (Senar Goiás) chega à Anápolis nesta sexta-feira, 06. A programação terá início a partir das 9 horas, com saída da sede do Sindicato Rural de Anápolis, para a Fazenda Bica D’água, região do Ribeirão do Piancó.


A iniciativa faz parte das ações da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e da Administração Central do Senar, que em março deste ano fizeram o lançamento nacional do programa com o objetivo de proteger e recuperar nascentes em todo o Brasil, envolvendo a participação de todos os estados. Em Goiás, já vestiram a camisa em prol do meio ambiente os municípios de Aparecida de Goiânia, Bela Vista de Goiás, Orizona, Itaberaí, Silvânia, Rubiataba, Alexânia e Trindade.


Para o presidente do Sindicato Rural de Anápolis, Pedro Olímpio Neto, o programa vai possibilitar a interação com todos os envolvidos no agronegócio e na agropecuária. “A proteção de nascentes pode garantir o abastecimento de água no campo e na cidade. Esse tipo de ação é fundamental não só para o cumprimento de uma legislação ambiental, mas principalmente para mostrar que os produtores rurais, juntamente com as instituições representativas, são protagonistas na proteção do meio ambiente, já que são os maiores interessados em proteger e preservar o meio ambiente, pois dele dependem para viver e para manter a sobrevivência do próprio negócio”, disse.


 


Etapas do programa


O Programa é composto por 5 etapas: identificação da nascente, cercar o local, limpeza da área, controle da erosão e replantio de espécies nativas. A meta nacional é proteger mil nascentes até o final do ano. Em Goiás, o objetivo é recuperar cerca de 200 nascentes.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Meio Ambiente

Poluição de nascentes é denunciada na Câmara

09/11/2017

O vereador Pastor Elias Ferreira (PSDB) denunciou a poluição de nascentes localizadas nas proximidades da Avenida Brasil No...

Erosões comprometem o solo e a água potável do Município

28/09/2017

O acelerado processo de erosões em Anápolis compromete, não apenas, o solo, mas, também, todas as bacias hidrográficas e...

Limpeza preventiva de córregos

14/09/2017

Os córregos se contorcem diante do assoreamento que desidrata os cursos d’água nesse momento de estiagem. Mas para evitar...

Queimadas em vegetações e plantações estão têm registro de incidência na região de Anápolis

10/08/2017

Embora já se esteja em um período que favorece a sua ocorrência, a estação da seca ainda não provocou este ano grandes ...