(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Sindicato denuncia vereadores

Política Comentários 11 de dezembro de 2009

Indignação é contra os que aprovaram emendas e voltaram atrás depois de reunião com o Prefeito


O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais - SindiAnápolis -anunciou que vai denunciar, pela imprensa, e através de uma publicação especial (cartilha), os vereadores que votaram atrás na decisão de aprovar emendas que beneficiavam alguns setores da categoria, no Plano de Cargos e Salários votado esta semana pelo Legislativo Municipal. Foi o que afirmou a Presidente da instituição, arquiteta Regina Faria, assegurando que, depois de uma reunião com o Prefeito Antônio Gomide, muitos vereadores traíram a confiança dos funcionários e decidiram, na segunda votação, contradizer o que haviam colocado na votação inicial. As emendas contemplavam, principalmente, os funcionários ligados à fiscalização de obras e de posturas, entre outros.
Regina Faria acrescentou, entretanto, que, no geral, o Plano observou muitos avanços, beneficiando a maioria dos servidores. “A principal conquista foi a elevação do Salário Base, que era na ordem de R$ 390 e subiu para R$ 505”, disse ela. Mas, a Presidente do SindiAnápolis afirmou ter ficado decepcionada com o posicionamento de alguns vereadores e do próprio Prefeito. Para Regina Faria, houve uma espécie de invasão de competência, já que o Chefe do Executivo foi, pessoalmente, à Câmara Municipal se reunir com os parlamentares. “O mais estranho é que, depois dessa reunião, muitos deles mudaram, radicalmente, de posição, esquecendo-se de tudo o que haviam definido e votado em primeira votação”, justificou.
De acordo com a dirigente sindical, este posicionamento contradiz tudo o que se define como regime democrático. “Eu pergunto: se o prefeito Antônio Gomide ainda fosse vereador, será que ele aceitaria o prefeito ir à Câmara e influenciar nas decisões? Acredito que não”, reafirmou Regina Faria. As críticas dirigidas aos vereadores foram contundentes e em determinado momento Regina Faria chega a chamar de “teatro” o episódio que se verificou. Na publicação que pretende distribuir em breve, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais deverá inserir o nome dos vereadores que votaram favoravelmente e dos que votaram contra as emendas, assim como detalhar tudo o que elas previam. “Lutamos tanto, contratamos advogados, nos reunimos dezenas de vezes para elaborarmos um plano que era o sonho de todos e, vem uma meia dúzia de vereadores, que certamente não têm compromisso com os funcionários de promovem essa desordem”, disse Regina Faria.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Deputado Coronel Adailton preside CPI das Universidades

26/04/2019

O deputado estadual Coronel Adailton (PP), foi eleito presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), da Assembleia ...

Projeto prevê estender mandato de prefeitos e vereadores

25/04/2019

O Prefeito Roberto Naves e os 23 vereadores de Anápolis podem ganhar mais dois anos de mandato, assim como os demais prefeit...

Prazo para a regularização de imóveis será ampliado até o final de dezembro

25/04/2019

A Câmara Municipal aprovou, em dois turno de votações, em sessões ordinárias ocorridas na última quarta-feira, 24/04, o...

Projeto prevê proteção dos direitos da pessoa com autismo

17/04/2019

O Deputado Estadual Amilton Filho (SD) apresentou, na Assembleia Legislativa, Projeto de Lei que institui em Goiás a Políti...