(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Serviços domésticos terceirizados têm crescimento

Geral Comentários 19 de abril de 2013

Com a nova lei dos empregados domésticos e o encarecimento dos encargos, buscar empresas especializadas é opção para as famílias e uma tendência de mercado


A nova lei dos empregados domésticos, em vigor desde a semana passada, tem feito valer os novos direitos da classe, entre eles: a jornada de 44 horas semanais, ou seja, oito horas trabalhadas por dia; a doméstica que não trabalha aos sábados compensa as horas não trabalhadas ao longo da semana e os empregadores devem pagar as horas extras conforme a lei manda. Para os contratados as vantagens são bem-vindas, já para os contratantes nem tanto, uma vez que a mão-de-obra contratada com carteira assinada encareceu consideravelmente.
Por isso, uma novidade que vem se espalhando pelo país e que agora deve dar um salto devido, justamente, à nova lei dos empregados domésticos, é a prestação de serviços de limpeza por empresas especializadas. O mercado cresce a cada ano e a tendência de terceirização do serviço de limpeza veio para ficar, pois tem crescido bem acima do Produto Interno Bruto (PIB), segundo a Associação Brasileira do Mercado Institucional de Limpeza (ABRALIMP). Essa atividade, que teve início nos Estados Unidos e Europa, ao chegar ao Brasil, tornou-se comum nas grandes empresas e centro de ensinos, como as universidades, em seguida não só as grandes empresas, mas também as pequenas e médias, assim como escolas, bancos e hospitais recorreram a firmas especializadas. Agora, elas também são uma opção nos lares brasileiros pela comodidade do contratante não ter de pagar a alta carga sobre a folha de pagamento e também pela facilidade de contratação.
Elias Duarte, proprietário Atalaia Conservação e Limpeza, empresa no segmento há quatro anos, viu no cenário da cidade de Anápolis a possibilidade de investir no negócio. “Percebi, pela demanda da terceirização de serviços de limpeza, que seria interessante arriscar nesse ramo”, conta. E Elias arriscou. Hoje, com 130 funcionários e atende empresas de grande porte. O empresário percebeu a necessidade de ter mais opções na prestação de serviços, inclusive, pelo vigor da lei dos empregados domésticos que aumentou a procura dos clientes pela limpeza doméstica. “Os empregados domésticos agora tem os direitos que todo trabalhador tem, para o ramo terceirizado isso é muito bom porque nossa visão de mercado pôde se ampliar. Muitas pessoas já procuravam a empresa para saber se tínhamos esse serviço doméstico disponível e eu dava passos curtos em relação a isso, agora com a lei dos empregados domésticos em vigor e a grande procura dos serviços, estou dando passos mais largos”, explica.
Apesar da nova opção de serviços envolverem riscos, porque os funcionários irão trabalhar diretamente na casa dos clientes, a empresa tem treinado seu pessoal para desenvolver o tipo de trabalho. “Atualmente, terceirizar esse tipo de serviço já não é uma questão de amenizar gastos, mas sim de custo-benefício. Os clientes não priorizam mais os vínculos empregatícios, não buscam uma pessoa fixa para estar no lar e, sim, a boa realização do serviço”, diz. Para Elias uma das vantagens da terceirização do serviço está justamente na não necessidade de vínculos empregatícios. “A terceirização dá ao cliente a possibilidade de ter uma pessoa realizando os serviços hoje na casa dela e se ela, por qualquer motivo, não gostar do serviço prestado, pode ter a presença de outro funcionário, até ela optar pelo que melhor se enquadrar no seu estilo de vida”, completa.
Nilton Barbosa e Lenin Veiga, proprietários da Solução MultiService atuante há dez anos nos Estados Unidos e há um em Anápolis, também investem na terceirização de serviços domésticos. “Contamos com profissionais qualificados que fazem este tipo de serviço. A limpeza doméstica é realizada em equipe de, no mínimo, duas colaboradoras, reduzindo assim o tempo de trabalho”, conta Lenin. A empresa dispõe de todos os equipamentos e acessórios necessários para a realização das tarefas, dispensando o uso de materiais dos clientes e ofertando uma higienização superior aos métodos convencionais. Para Lenin, o mercado está se adaptando à nova realidade do trabalho doméstico em todo o país, e sua empresa, com mais de 500 clientes, busca também um maior aperfeiçoamento. “A pessoa que solicita os nossos serviços não precisa se preocupar com alimentação, horas extras, vale transporte, encargos sociais e vínculo empregatício da pessoa que limpa a sua casa; além de ter a vantagem de ser atendido nos prazos combinados”, explica o proprietário.
São as vantagens que a funcionária pública, Kênia Cristine Castro também percebe. Depois de recorrer por muito tempo ao trabalho de diaristas, a funcionária pública cansou da falta de compromisso por parte deles e de rotineiramente ter algum utensílio quebrado em casa. “As diaristas que já estiveram lá em casa não tinham compromisso. Não chegavam no horário combinado, tinham que levar os filhos ao médico, eu não sentia que o serviço que elas prestavam era uma prioridade. Já tive copos, espelho e outros objetos quebrados”, lamenta. Foi então que já cansada de investir no serviço prestado pelas domésticas, Kenia seguiu a sugestão de uma amiga e há quatro meses procurou a Solução MultiService. “Percebi uma grande diferença na prestação de serviço. A empresa tem comprometimento, os funcionários chegam na hora marcada e cumprem o serviço dentro do período estabelecido, além de oferecem uma limpeza mais completa da casa em relação às diaristas, porque eles limpam a parte de cima dos guarda-roupas, dentro das gavetas, etc.”, ressalta Kenia, que garante: se tem algum objeto quebrado é ressarcida pela empresa. “O valor do serviço realizado pela empresa terceirizada é um pouco mais elevado, no entanto, aquilo que pagamos tem um retorno”, garante.

Autor(a): Carol Evangelista

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Prefeitura vai contratar OS para promover os eventos natalinos

12/10/2017

A Prefeitura está lançando edital de chamamento público para seleção e posterior estabelecimento de Termo de Colaboraç...

Anápolis tem 1ª Olimpíada Digital de Matemática

12/10/2017

A Prefeitura de Anápolis, através da Secretaria Municipal de Educação, promove a 1ª Olimpíada Digital de Matemática. O...

Pesquisa retrata infância em Goiás

12/10/2017

O Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB), da Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan)...

Fisco flagra transporte com notas irregulares

12/10/2017

A equipe do Comando Volante da Delegacia Regional de Fiscalização de Anápolis flagrou na última terça-feira,10, dois cam...