(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Secretário faz novo balanço sobre o cronograma de obras em andamento

Urbanismo Comentários 16 de novembro de 2018

Francisco Lacerda garantiu que há muito empenho para a conclusão, ainda este ano, das obras


A Câmara Municipal recebeu, na sessão ordinária realizada na última quarta-feira,14, a visita do secretário de Obras e Serviços Urbanos, Francisco Lacerda, para falar sobre as obras de mobilidade urbana que acontecem na cidade. Nas últimas semanas a morosidade dos trabalhos tem sido alvo de reclamações de comerciantes locais e da população. As demandas foram repercutidas na tribuna pelos vereadores nos últimos dias.
Francisco Lacerda disse que a obra na Vila Jaiara, na Avenida Fernando Costa, está na etapa final, que consiste na conclusão de massa asfáltica e abertura das bocas de lobo. Com isso, a expectativa é que as enxurradas diminuam seu volume em até 90%.
O secretário informou que a chuva que caiu na cidade no início da noite de terça-feira (13) acabou levando entre 3 cm a 7cm da base colocada na avenida para a pavimentação. Com isso será preciso recuperar o solo para reiniciar o processo que garante a colocação da capa asfáltica.
Já na Avenida Brasil Norte, Francisco Lacerda explicou que está sendo feito o alargamento da terceira faixa e que 70% desse serviço já foi concluído. Também estão sendo feitos os pontos de ônibus dentro da proposta de criação de um corredor para os ônibus do transporte coletivo.
O secretário falou que no decorrer do serviço, quando se identifica problema mais grave no asfalto antigo é preciso retirá-lo, fazer a recuperação do solo, jogar novo asfalto e, por fim, o microrrevestimento. “O trabalho é para evitar infiltração, que deixaria o asfalto borrachudo”, explicou.
Francisco Lacerda informou que “tem feito de tudo” para terminar as obras até o final de dezembro e que o andamento dos trabalhos precisa levar em conta o período chuvoso.
Questionado por vereadores, o secretário municipal disse que nenhum serviço é pago duas vezes, pois o orçamento é unitário. Segundo ele, quando há erro no projeto a firma responsável é obrigada a derrubar o que foi feito e iniciar novamente a obra.
Sobre a obra na Avenida Brasil, ele garantiu que a galeria pluvial está pronta e metade das 52 bocas de lobo que serão abertas na parte norte da via já estão prontas.
Em relação ao fechamento de retorno que ficava em frente ao Hospital de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (Huana), Francisco explicou que foi feito um estudo pela CMTT e que os quatro retornos que estão próximos garantem velocidade à pista e não atrapalham em nada a celeridade que as ambulâncias precisam para dar socorro a pacientes da unidade.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Urbanismo

Retificação de áreas no setor urbano somente será feita pelos cartórios

13/04/2019

Todos os pedidos de retificação de áreas de imóveis terão que ser feitos, agora, diretamente nos cartórios de registro,...

Avenida Fernando Costa recebe nova iluminação

21/02/2019

A Prefeitura de Anápolis está instalando as novas lâmpadas em toda extensão da Avenida Fernando Costa, região da grande ...

Secretário faz novo balanço sobre o cronograma de obras em andamento

16/11/2018

A Câmara Municipal recebeu, na sessão ordinária realizada na última quarta-feira,14, a visita do secretário de Obras e S...

Obras estruturais estão para serem entregues, diz Prefeitura

08/11/2018

A expressão já é meio clichê, mas não poderia definir melhor: Anápolis é hoje um enorme canteiro de obras, que inclui ...