(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

PTN demonstra força para projeto político em evento regional

Política Comentários 08 de julho de 2016

Encontro Partido Trabalhista Nacional teve a presença do Governador e do Vice Governador; dos presidentes regional e nacional e de 13 deputados federais e um estadual


O encontro regional do Partido Trabalhista Nacional, ocorrido nesta quinta-feira, 07, no SESI da Vila Jaiara, com a presença do Governador Marconi Perillo e do Vice, José Éliton, ambos do PSDB; de vários deputados estaduais e federais; vereadores; secretários de Estado; presidentes de diversos partidos políticos; dos presidentes regional e nacional e lideranças da própria sigla de dezenas de municípios, demonstrou que o PTN tem força e credenciais para se tornar um dos principais protagonista do pleito eleitoral deste ano em Anápolis, terceiro maior colégio eleitoral de Goiás.
Havia expectativa, por parte da imprensa e das centenas de pessoas que compareceram ao local, de que o Deputado Federal, Alexandre Baldy, anunciasse ser, ou não, candidato à Prefeitura de Anápolis, nas eleições de outubro próximo. Baldy não tocou, especificamente, neste fato. Fez uma leitura do momento atual vivido no País o que, segundo ele, exige que as pessoas e, em especial, os deputados estejam conectados com a reconstrução do Brasil, que ocorre no governo do presidente interino Michel Temer. Ele, também, teceu críticas à gestão da Presidente Dilma Rousseff (PT), que resultaram no aumento do desemprego, no rombo das contas públicas e na falta de investimentos em áreas essenciais, citando, como exemplo, a segurança. “Precisamos fortalecer a boa política, para que a população volte a acreditar na classe política”, pontuou o parlamentar no seu discurso.
O Deputado fez questão de passar a palavra para as saudações dos deputados federais do PTN e de outros partidos - de Goiás e de outros estados (Minas Gerais; Tocantins; Alagoas; Rio Grande do Norte; Amapá, Rondônia e Rio de Janeiro) que vieram prestigiar o evento. Todos eles reconheceram a liderança que Baldy exerce, mesmo estando no cumprimento de seu primeiro mandato na Câmara Federal. Ele, até, ganhou duas menções dos colegas, de que poderá ser um forte candidato a uma vaga no Senado da República.
Estiveram presentes ao encontro 12 deputados: Pedro Vilela (PSDB-AL); Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO); Antônio Jácome (PTN-RN); Célio Silveira (PSDB-GO); Giuseppe Vecci (PSDB-GO); Euler Cruvinel (PSD-GO); Ademir Camilo (PTN-MG); Josi Araújo (PTN-AP); Irajá Abreu (PSD-TO); Mariana Carvalho (PSDB-RO), Francisco Chapadinha (PTN-PA) e o próprio Alexandre Baldy (PTN-GO), além do Deputado Estadual Carlos Antônio (PSDB).
O encontro do PTN lotou o salão de eventos do SESI e reuniu políticos de quase todos os partidos, inclusive, alguns pré-candidatos como Carlos Antônio (PSDB); Pedro Canedo (DEM), Ernani de Paula (PSDC) e Eli Rosa (PMDB).

Baldy disse que a decisão sobre candidatura ainda será tomada

Logo após o encontro, o Deputado Federal Alexandre Baldy (PTN) afirmou que a decisão sobre o lançamento de candidatura para Prefeito em Anápolis ainda vai ser tomada. O que, segundo ele, deve ocorrer mais próximo das convenções partidárias e a intenção é de ouvir as lideranças e as bases para respaldar esta decisão.
Baldy salientou que o PTN vem crescendo muito no Estado e no Município e, na hora certa, irá se posicionar quanto ao pleito deste ano. “Até as convenções, vamos definir, quem faz a hora é o povo”, sentenciou.
O presidente regional do partido, Adriano Avelar, também, disse que a decisão de sair candidato é uma “questão de foro íntimo do Deputado”. Na sua avaliação, o mais importante é o PTN estar bem estruturado para estas eleições e poder lançar cerca de mil candidatos a vereador e, pelo menos, 10 candidatos a prefeito. A legenda deve estar presente nas eleições em cerca de 145 municípios goianos.
O presidente da Comissão Provisória do PTN em Anápolis, jornalista Vander Lúcio Barbosa, foi na mesma linha, ou seja, destacou que o Partido está se fortalecendo para preencher o seu espaço político no cenário local, regional e nacional e, no caso de Anápolis, antecipou que a sigla montou uma chapa competitiva para disputar vagas na Câmara Municipal e vai continuar discutindo a questão da eleição majoritária.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

19 prefeitos assinam filiação ao PSDB

18/08/2017

Os deputados estaduais Manoel de Oliveira (PSDB), Santana Gomes (PSL), Francisco Oliveira (PSDB), Charles Bento (PRTB), Gusta...

Fundo bilionário para patrocinar as campanhas

10/08/2017

Os deputados integrantes da comissão especial que analisa mudanças nas regras eleitorais (PEC 77/03) acabam de rejeitar um ...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...