(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Promotor quer mais agilidade para a entrega dos centros de educação

Geral Comentários 22 de fevereiro de 2018

A titular da secretaria Cidadã, Onaide Santillo destacou parcerias para o trabalho com adolescentes nas unidades


Em reunião realizada na última terça-feira, 20, na sede do Ministério Público, o coordenador do Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude, Publius Lentulus Rocha, solicitou à nova titular da Secretaria Cidadã, Onaide Santillo, que intervenha junto à Agência Goiana de Transporte e Obras Públicas (Agetop) para que as obras nos Centros de Atendimento Socioeducativo (Cases) sejam realizadas com prioridade. Durante o encontro, o promotor falou sobre o cumprimento de um termo de ajuste de conduta (TAC) firmado pelo MP com o Estado de Goiás em 2012 e que prevê a construção de sete novas unidades de internação para atendimento a adolescentes infratores e a reforma de outras três unidades.
De acordo com a diretora do Grupo Executivo de Apoio à Criança e ao Adolescente (Gecria), Luzia Dora, a Secretaria Cidadã não dispõe de equipe técnica para executar as obras necessárias a serem realizadas nos Cases. Desse modo, ela sugeriu que o CAO Infância encaminhe um ofício à Agetop solicitando informações quanto ao andamento das obras nos centros de internação, para posterior encaminhamento dessas informações à secretaria.
Durante o encontro, a secretária Onaide Santillo informou ainda sobre uma parceria realizada entre a Secretaria Cidadã, o Ministério do Trabalho e a Fundação Alphaville para desenvolver um trabalho com os adolescentes que estão em cumprimento de medidas socioeducativas, com projeto-piloto em Goiânia, Anápolis e Aparecida de Goiânia. Outro assunto tratado foi a possibilidade de assinatura de um termo de cooperação técnica entre o MP-GO, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Estado de Goiás para implantação de programa que atenda os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa em meio fechado.
O promotor Publius Rocha garantiu ainda que verificará com o procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho, Tiago Ranieri, sobre um projeto-piloto de parceria com empresas visando à implantação de atividade profissionalizante com os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa em meio fechado. (Com informações da Assessoria de Comunicação Social do MP-GO - fotos: Geovanna Lemes)

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Núcleo reforça ações de atenção básica

19/07/2018

Que a porta de entrada da saúde pública é o postinho mais perto de casa, muita gente sabe. Mas poucos conhecem um trabalho...

Núcleos de Convivência são entregues à comunidade

19/07/2018

Na última quarta-feira,18, a Prefeitura de Anápolis entregou aos moradores do Residencial Summerville o núcleo do Serviço...

Ministério busca menos acidentes e mortes no trânsito

19/07/2018

O Ministério das Cidades tem atuado de forma estratégica e contínua em todo o país na promoção de políticas públicas ...

SEBRAE oferece oficina sobre Plano de Negócios

19/07/2018

Planejamento. Mesmo que o termo seja discutido como um dos essenciais para se começar com qualquer tipo de negócio, muitos ...