(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Projeto propõe fim das torcidas organizadas em Goiás

Esportes Comentários 10 de fevereiro de 2012

Violência nos estádios goianos preocupa as autoridades da segurança pública


Tramita na Assembleia Legislativa, o projeto de lei nº 1.766/11, do deputado Carlos Antonio (PSC), que dispõe sobre o fim das torcidas organizadas em jogos esportivos e torneios de futebol.
A matéria veda a entrada de torcidas uniformizadas e o porte de sinalizadores, rojões, foguetes ou artefatos que contenham pólvora, ou qualquer tipo de arma branca, além de bandeiras, camisas ou outras vestimentas que façam alusão ao nome da torcida organizada.
Carlos Antonio afirmou que o objetivo principal da proposta é combater a violência nas quadras e ginásios e, principalmente, nos estádios de futebol, de modo que os eventos esportivos possam ser frequentados com tranquilidade.
No dia 10 de maio, a Assembleia promoveu audiência pública para debater o tema "Extinção das Torcidas Organizadas". A iniciativa foi do parlamentar e autor do projeto de lei.
O deputado disse não ser contra a presença de torcidas nos estádios. O que ele se opõe é à existência de grupos que promovem o caos nos jogos de futebol. "Nosso debate é para que esses grupos não sejam um bando, mas apenas uma torcida."
A matéria foi distribuída para o relator, deputado Hildo do Candango (PTB), e, para se tornar lei, precisa ainda do aval das Comissões, ser votada e aprovada em dois turnos em Plenário e, posteriormente, receber a sanção do Governador. (Agência Assembleia)

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Esportes

Corrida de rua

17/05/2018

Esporte mais solidariedade. Uma soma que vem dando certo desde o ano passado, quando a doação de um quilo de alimento não ...

Gerente de futebol não será contratado

17/05/2018

O Anápolis está sem gerente de futebol. Francisco Elísio aceitou a proposta do Sampaio Corrêa (Maranhão) e se desligou d...

Criada escolinha de futsal feminino

10/05/2018

As matrículas para as aulas da Escolinha de Futsal Feminino estarão abertas até o dia 31 de julho. O projeto, desenvolvido...

Anápolis luta de novo contra o rebaixamento

10/05/2018

A situação do Anápolis Futebol Clube é delicada, também, nas categorias de base. Depois de um ótimo trabalho feito por ...