(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Projeto modifica o perfil da região central da cidade

Cidade Comentários 26 de maro de 2010

Renomado arquiteto e urbanista, Guilherme Takeda, apresenta projeto de “acupuntura urbana” para o centro de Anápolis, visando a sua revitalização e adaptação à acessibilidade universal


Anápolis poderá ganhar uma nova e moderna concepção urbanística na Praça Bom Jesus e ruas adjacentes. Projeto neste sentido vem sendo desenvolvido, desde o início do ano passado, pelo renomado arquiteto e urbanista Guilherme Takeda, do Rio Grande do Sul. Na última quarta-feira, 24, ele esteve novamente na cidade para trazer um esboço das mudanças que poderão ser introduzidas visando, não só o embelezamento da praça e das vias, como também adaptá-las ao conceito de acessibilidade universal.
No dia 18 de fevereiro de 2009, Takeda veio, pela primeira vez, à cidade participar do Seminário de Acessibilidade, promovido pelo Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Anápolis (Sicma), juntamente com a Associação Comercial e Industrial (Acia) e a Associação Brasileira de Cimento Portland que, na ocasião, fizeram também o lançamento do “Guia prático para a construção de calçadas”, contento normas e padrões para adaptar os passeios às pessoas com algum tipo de dificuldade de locomoção - cadeirantes, deficientes visuais, dentre outros.
Segunda etapa
Essa nova visita, segundo ele, foi com o objetivo de colher mais subsídios para o projeto final, que deve ficar pronto em 30 dias. Uma comissão formada por técnicos da Prefeitura e de entidades ligadas ao turismo, presidida pelo engenheiro Dido Gonzaga Jaime, tem dado suporte ao trabalho do arquiteto. O secretário municipal de Desenvolvimento Urbano Sustentável, Clodoveu Reis Pereira, adiantou que o Prefeito Antônio Gomide tem o maior interesse em viabilizar o projeto, que deverá ser desenvolvido através de parceria público-privada, pois se trata de uma intervenção ampla e complexa, que o arquiteto portoalegrense denominou de “acupuntura urbana”, citando o exemplo das transformações em Curitiba-PR, introduzidas pelo ex-prefeito e ex-governador Jaime Lerner.
Praticidade
“São projetos que demandam planejamento, mas vamos desenvolver algumas coisas com a velocidade que o município requer”, salientou Takeda, que se comprometeu em entregar o projeto pronto, já que inicialmente sua colaboração seria trazer um esboço e um rol de soluções urbanísticas para os vários problemas encontrados na região central da cidade, muitos deles identificados através da pesquisa “Olhares sobre a Praça Bom Jesus”, realizada com a parceria da Universidade Estadual de Goiás (UEG), sob a coordenação geral da professora Mary Anne Vieira Silva, do Curso de Geografia.
A proposta trabalhada por Guilherme Takeda abrange pinturas nas ruas com alguns ícones representativos da história e da atualidade do município; rampas adequadas; lombadas niveladas às calçadas; equipamentos urbanos adaptados para acessibilidade e, inclusive, um museu aberto de aviação, como referência à Base Aérea. Outro detalhe, em relação à Praça Bom Jesus, detectada na pesquisa com o público, é a construção de sanitários públicos. A ideia inicial é trabalhar a praça e quatro quarteirões próximos, para que, futuramente, o projeto seja expandido a outros pontos da cidade.
O presidente da Acia, Ubiratan Lopes, que foi o responsável pela realização do I Seminário de Acessibilidade, em sua gestão no Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário, ressaltou que as mudanças poderão ser implantadas de forma gradual, mas o resultado será uma nova cidade, preservando a sua identidade e valores.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Cidade

Escoteiros têm direito a sede no Parque da Matinha

16/11/2018

“Agora temos a nossa identidade”. Este é o sentimento do presidente do Grupo Escoteiro Bernardo Sayão, Mário Fernandes...

Prefeitura faz lançamento do Espaço da Oportunidade

16/11/2018

Uma casa que estava totalmente abandonada, inutilizada há anos e agora, após uma reforma, nela começa a funcionar um proje...

Casamento comunitário com 345 casais

16/11/2018

Neste sábado, 17, 345 casais dirão o tão esperado “sim” durante a Cerimônia Civil do Casamento Comunitário, promovid...

Município e PM firmam parceria para o combate à criminalidade na região de Anápolis

16/11/2018

A Prefeitura de Anápolis e a Polícia Militar do Estado de Goiás lançaram a Força Tática, uma nova unidade para o polici...