(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Projeto do novo colégio militar em Anápolis começa a ser implantado

Educação Comentários 02 de junho de 2017

Aprovação da comunidade escolar foi uma das últimas etapas para que a terceira unidade seja instalada


No final da tarde da última quarta-feira,31, professores, pais e alunos deram o “sim” à instalação da terceira unidade do Colégio Militar em Anápolis. A unidade vai funcionar nas dependências do Colégio Estadual “Arlindo Costa”, localizado na Vila Santa Isabel.
A reunião com a comunidade escolar para que a mesma confirme o seu “aceite” em relação à instalação do Colégio Militar, é uma condição para que o Governador Marconi Perillo possa dar a autorização final, conforme explicou o comandante de ensino da Polícia Militar, Coronel Anezio Barbosa, que participou do ato, onde foram prestados vários esclarecimentos sobre a nova unidade, que poderá entrar em funcionamento já a partir do segundo semestre.
Conforme as orientações repassadas, todos os alunos matriculados no “Arlindo Costa” terão suas vagas garantidas no Colégio Militar. Quando houver vagas disponíveis, as mesmas serão direcionadas para o sorteio que acontece anualmente. O corpo de professores e servidores administrativos também será mantido. Foi indicado para assumir a direção da unidade o Coronel Edival Batista Soares.
De acordo com o Deputado Estadual Carlos Antônio (PSDB), um dos principais idealizadores e articuladores do projeto, a instalação da terceira unidade do Colégio Militar é uma “vitória de Anápolis”. Ele pontuou, na ocasião, que foi indispensável o apoio da secretaria estadual de Educação e da subsecretaria de Anápolis, bem como o esforço para a aprovação na Assembleia Legislativa e a vontade política do Governador Marconi Perillo que, conforme disse, desde o início manifestou o seu apoio à iniciativa.
A terceira unidade de Anápolis será a 36º a ser implantada em Goiás. Os colégios militares, existem na lei desde a década de 60. Mas as primeiras unidades surgiram apenas no final da década de 90, na Academia da Polícia Militar. Hoje, os colégio militares são referência no ensino, alcançando índices positivos nos indicadores educacionais. Em Anápolis, a primeira unidade do Colégio Militar foi a “Dr. Cezar Toledo”, criada no dia 07 de dezembro de 2005 e localizada no Bairro Alexandrina. A segunda foi o “Gabriel Issa”, criada em 25 de julho de 2013, na Vila Goiás. A terceira unidade teve a lei promulgada no mês de fevereiro último. Atualmente, o Colégio Estadual “Arlindo Costa” conta com mais de 1,1 mil alunos.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Educação

Atlas Escolar envolve escolas e universidades

08/11/2018

A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Educação, e as universidades Estadual de Goiás (UEG) e Federal de Goiás...

Pesquisadores da UniEVANGÉLICA realizam trabalho inédito no Direito

02/11/2018

O Núcleo de Pesquisa em Direito da UniEVANGÉLICA (NPDU) realiza há quatro meses um trabalho inédito para uma instituiçã...

Cursinho PreparaAção realiza aulão musical com cerca de 400 alunos

02/11/2018

O Aulão Musical, organizado pelo PreparAção – cursinho oferecido pela Prefeitura de Anápolis – reuniu mais de 400 est...

Curso de Medicina da UniEVANGÉLICA tem selo SAEME de qualidade de ensino

25/10/2018

“O nosso desejo é que o aluno não seja apenas tecnicamente formado, mas que seja um cidadão bem formado, tenha valores ...