(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Programa Saúde da Família ganha prêmio de Boas Práticas

Saúde Comentários 01 de fevereiro de 2018

O projeto Sala de Situação em Saúde, com a participação de estudantes universitários, foi fundamental para a conquista


Mais uma boa notícia para a saúde de Anápolis. Durante o ano de 2017, a Secretaria Municipal de Saúde trabalhou muito não só para atender a demanda de pacientes da rede, mas também atuou firme na inovação e isso rendeu bons frutos. O município conquistou o Prêmio Goiano de Boas Práticas em Saúde da Família, da Secretaria de Estado de Saúde com o apoio da Secretaria de Planejamento, Instituto Mauro Borges (IMG), Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública (IPTSP/UFG) e Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). O objetivo é reconhecer as experiências exitosas (boas práticas) dos municípios goianos, que contribuirão para o aprimoramento da gestão municipal com foco na Atenção Primária à Saúde (APS).
De acordo com a secretária municipal de Saúde, Luzia Cordeiro, esse prêmio é um reconhecimento ao trabalho que está sendo prestado na porta de entrada do sistema. “A atenção primária é a nossa premissa. Nossa porta de entrada de todos os atendimentos do SUS. Esse prêmio veio reforçar o nosso trabalho técnico cientifico e democrático”, disse.
Para a secretária, o projeto desenvolvido pela equipe foi bem pensado e elaborado, valorizando a humanização do sistema. “Digo que o projeto é democrático. Por quê? Porque houve uma participação da sociedade por meio dos universitários nos projetos da saúde e na divulgação do Sistema Único de Saúde”, relata. Ela afirma que são poucas pessoas que conhecem como funciona o sistema e com o início dessa difusão pelos alunos universitários, é possível ter um grande alcance. “Além disso, poderemos fazer com que eles participem do levantamento de problemas e soluções, principalmente para a atenção primária”, finaliza Luzia Cordeiro.

PROJETO
Batizado de Sala de Situação em Saúde, o projeto da atenção básica consiste na organização da informação, um dos requisitos que impactam os processos de gestão do Sistema Único de Saúde (SUS). Além disso, criam-se estratégias para subsidiar suas políticas, possibilitando aos profissionais de saúde, à gestão administrativa e também aos usuários, transparência da assistência, projeções e planejamento de ações e ainda construção de projetos de intervenções aplicados no dia a dia da população. Para isso, a Secretaria Municipal de Saúde estabeleceu parceria com a UniEvangélica na formação de novos médicos, que cursam o 5º ano, no Internato de Saúde Coletiva.
Ao instituir o módulo de Saúde Coletiva, inova-se na formação médica, tendo como objeto de ensino o aprendizado da gestão por meio da tríade: sistemas de informação em saúde, sistematização e uso para subsidiar o processo de tomada de decisão. Esse tripé de sustentação pode, perfeitamente, ser traduzido em Sala de Situação em Saúde (SSS). Nesse cenário, SSS, preceptores capacitados recebem os internos de forma que realizem suas pesquisas nas bases de dados dos sistemas de informação de Anápolis, bem como seus indicadores, com vistas a produzir projetos de intervenção que estejam ligados às prioridades da gestão do SUS local.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Saúde

Goiás avalia início da vacinação

20/04/2018

Devido ao aumento do número de casos de SRAG em Goiás, o Ministério da Saúde antecipou a Campanha de Vacinação contra I...

Vacinação começa nesta sexta-feira nas unidades de saúde

13/04/2018

Começa nesta sexta-feira, 13, a campanha de vacinação contra a gripe H1N1 na rede municipal de saúde. Idosos, trabalhador...

Relaxe os músculos

05/04/2018

No final do dia, a coluna, os ombros e o pescoço estão tão tensos que parecem ter carregado sacos de areia. Com o tempo, e...

Reforma da UPA entra para a reta final de obras

29/03/2018

Em fase final, a reforma da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Esperança será concluída dentro de 15 dias, e vai ...