(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Professora universitária morta pelo marido que se suicida

Geral Comentários 11 de novembro de 2011

Ela trabalhava no Fórum Municipal de Alexânia (77 km. de Anápolis) e lecionava na Faculdade Raízes, em Anápolis. Casal deixa dois filhos


Inconformado com o anúncio de separação, João Batista de Lucas, 34 anos, residente em Alexânia resolveu por fim à vida da esposa, a professora Suelma Borges da Fonseca, também de 34 anos, serventuária da justiça naquela cidade e professora de Direito, na Faculdade Raízes, em Anápolis. Depois de matar a mulher a tiros, João Batista ligou para alguns conhecidos narrando o que acabara de fazer e anunciou que, também, colocaria fim à própria vida, o que aconteceu minutos depois. Quando parentes e amigos chegaram à residência do casal, ambos já estavam mortos. Os corpos foram trazidos para o IML de Anápolis, onde passaram por autópsia, sendo, posteriormente, liberados para sepultamento. O crime ocorreu por volta do meio dia de ontem (10) e chocou a cidade de Alexânia onde o casal resida em companhia de dois filhos: um de 09 anos, de um antigo relacionamento de Suelma e outro de seis, filho do casal. De acordo com amigos e familiares, o casal levava uma vida comum, embora, por vezes, ocorressem desentendimentos naturais. Ontem, durante toda a tarde e à noite, a comoção era geral na Faculdade Raízes, onde Suelma lecionava e desfrutava de grande prestígio entre os alunos, professores e diretores do estabelecimento. Ninguém quis comentar o assunto com maior profundidade, preferindo a indignação. Todos, entretanto, lamentavam o desfecho trágico com a morte do casal que deixou dois órfãos e um grande número de amigos.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Convênios públicos têm nova regulamentação

11/05/2017

A Câmara Municipal realizou audiência pública nesta quinta-feira,11, em conjunto com a Prefeitura de Anápolis, para trata...

Corpo encontrado em lago é de empresário anapolino

04/05/2017

Na noite desta quinta-feira, 04, informação colhida pelo Jornal “A Voz de Anápolis”, junto a um irmão de Edmar Almeid...