(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Preços de pescados variam em até 183% por causa da quaresma

Alimentação Comentários 17 de maro de 2017

Pesquisa identifica graves diferenças de preços nas peixarias e supermercados em diferentes pontos da Cidade


O Procon de Anápolis, com o objetivo de orientar o consumidor sobre a compra de pescados - que nesta época do ano é elevada em razão do período da quaresma, em que muitas famílias deixam de consumir a carne vermelha- realizou uma pesquisa em peixarias e supermercados da Cidade, para verificar o comportamento do preço dos produtos.
A pesquisa foi realizada em oito peixarias (Atacadão, Ronaldão, JH Oliveira, Camarão e Cia, Araguaia, Novilho de Ouro, Nova Peixaria e Empório do Peixe) e sete supermercados (Super Vi, Floresta, Atende Mais, Rio Vermelho, HiperVip, Carrefour e Bretas). No levantamento, foram avaliadas 43 variedades de pescados, entre elas: bacalhau, camarão salmão, sardinha e algumas espécies de peixes.
Nas peixarias, foi encontrada a maior variação de preços: 183%, no Camarão Rosa “M”, encontrado ao menor preço por R$ 30 e ao maior preço por R$ 85. O Camarão Rosa “G” foi encontrado ao menor preço por R$ 40 e ao maior preço por R$ 100, uma variação de 150%. O Camarão Rosa “GG” teve variação de 112%, sendo encontrado ao menor valor por R$ 85 e ao maior por R$ 180. O Filé de Tilápia foi o produto que registrou a menor variação, sendo encontrado ao menor preço por R$ 25 e ao maior preço por R$ 28, uma diferença de 12%.
Nos supermercados, a maior variação foi também no Camarão Rosa “M”, encontrado ao menor preço por R$ 30,99 e ao maior preço por R$ R$ 74,75, registrando uma variação de 141%. O preço do Pintado teve a segunda maior variação: 117%, sendo encontrado ao menor preço de R$ 14,99 e ao maior preço de R$ 32,50. Já o Filé de Salmão registrou uma variação de 100%, sendo encontrado ao menor preço por R$ 39,90 e ao maior preço por R$ 79,90. A menor variação foi do Camarão Rosa “G”, entretanto, em apenas dois estabelecimentos pesquisados. O produto foi encontrado pelos valores de R$ 99,90 e R$ 114,75, respectivamente, uma oscilação de 15%.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Alimentação

Vigilância Sanitária monitora alimentos industrializados

03/08/2017

Cerca de 30% das amostras de alimentos industrializadas, recolhidas todos os anos em caráter de rotina em estabelecimentos c...

Circuito Gastronômico vai começar por Terezópolis

19/04/2017

O governador Marconi Perillo lançou o Circuito Gastronômico de Goiás 2017 e o 1º Festival Gastronômico TereÔxente, de T...

Garantia de alimentação saudável e renda extra

23/03/2017

Para incentivar o produtor rural e a agricultura familiar, a Prefeitura de Anápolis, por meio da Secretaria Municipal de Des...

Governador demonstra sua preocupação com a crise

23/03/2017

O governador Marconi Perillo condenou, em nota, a conduta de frigoríficos e agentes públicos suspeitos de cometerem irregul...