(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Prefeitura realiza concurso público para educação

Cidade Comentários 19 de dezembro de 2014

Oportunidades são para pedagogos e professores de Matemática, História, Geografia e Letras, neste caso com habilitação em Libras


A Prefeitura publicou, no Diário Oficial da última segunda-feira, 15, o edital do concurso público para professores das áreas de Pedagogia (220 vagas), Matemática (1), História (2), Geografia (3) e Letras, com habilitação em Linguagem Brasileira de Sinais – Libras (5). O período de inscrições é de 16 de janeiro a 5 de fevereiro, pela internet, e as provas estão previstas para 22 de fevereiro. A taxa de inscrição é de R$ 95.
A empresa contratada para realização do certame é a Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab) e o edital está disponível em sua página www.funcab.org. Clique para acessar o edital e demais informações.
Os salários variam de R$ 1.173,26 a 2.347,80, de acordo com a jornada de trabalho, que pode ser de 20h, 30h e 40h. Além da prova objetiva, outra etapa do concurso é a prova de títulos (especialização, mestrado e doutorado).
Desde o início da atual gestão, a Prefeitura tem a preocupação de garantir a qualidade na educação, e para isso investe na valorização dos professores. Em janeiro de 2009, os educadores do município passaram a receber como salário base o piso nacional da categoria e em dezembro deste mesmo ano comemoraram a realização de uma reivindicação antiga, conquistada na atual administração: o Plano de Cargos, Salários e Vencimentos, aprovado pela Câmara Municipal. Ao todo, em cinco anos, a categoria teve um aumento salarial de 87,66%.
A Prefeitura também realizou concurso público para a área da educação e tomou providências para que professores, vigias, merendeiras e auxiliares administrativos e de serviços gerais aprovados em outros certames pudessem ser lotados. Mais de dois mil profissionais foram convocados pela atual gestão para atuar na formação educacional das crianças e adolescentes da rede municipal para atender a demanda que surgiu com a inauguração de novos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) e escolas reformadas e ampliadas.
Outra preocupação da administração municipal é a formação continuada dos profissionais. Eles são incentivados a participar, constantemente, de cursos de atualização e aperfeiçoamento realizados pelo Centro de Formação de Professores. Também têm acesso às graduações e pós-graduações oferecidas, gratuitamente, pela Universidade Aberta do Brasil. O uso das tecnologias de informação e comunicação como ferramenta para o melhor aproveitamento do processo de ensino-aprendizagem ganhou reforço com os quase dois mil notebooks distribuídos aos educadores.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Monumentos históricos de Anápolis completam 60 anos

13/07/2017

Ignorados por grande parte da população e, até, pelas autoridades governamentais, dois monumentos que ficam no centro de A...

Câmara Municipal de Anápolis vai ter seu hino oficial em breve

15/06/2017

O vereador Teles Júnior (PMN) informou, durante o uso da tribuna, na sessão ordinária da última segunda-feira,12, que pro...

Presidente da UVG defende 13º e férias para os vereadores

09/06/2017

Em visita à Câmara Municipal de Anápolis, na manhã da última quarta-feira,07, o Presidente da União dos Vereadores de G...

Anápolis ainda tem muito caminho para melhorar em informação

02/06/2017

Criada em 2011, a Lei de Acesso à Informação ainda não é aplicável de forma plena por boa parte dos municípios brasile...