(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Prefeitura deve contratar em abril

Cidade Comentários 25 de maro de 2011

Provavelmente já no próximo mês, o Governo Municipal estará chamando os aprovados nos dois processos seletivos (Saúde e Educação) realizados recentemente


Depende, agora, da liberação por parte do Tribunal de Contas dos Municípios, para que a Prefeitura de Anápolis inicie a contratação dos aprovados nos concursos visando o preenchimento de vagas nas áreas da Saúde e da Educação. O que dependia do Executivo já foi feito. A informação é do Chefe de Gabinete do Prefeito Antônio Gomide (PT), advogado Céser Donizeth, acrescentando que, no primeiro momento, devem ser chamados cerca de 700 servidores para a Educação e 550 para a Saúde, dependendo da demanda. O concurso, em sua totalidade, ofereceu mais de 1500 postos que deverão ser preenchidos no decorrer do tempo. Este certame tem validade para dois anos, prazo que pode ser estendido por mais dois.
Céser Donizeth disse mais que há uma possibilidade muito grande do aproveitamento do total de vagas em curto, ou médio prazo. “Estamos abrindo mais seis creches e ampliando muitas escolas, isto na área da Educação. Na saúde vamos abrir novos postos de serviços nos bairros, estaremos entregando a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e uma série de outros projetos, o que exigirá a convocação dos aprovados nas mais diferentes categorias. Sem contar as vagas deixadas pelos servidores que se aposentam ou saem do serviço por qualquer outro motivo”, justificou. Para o Chefe de Gabinete, não está havendo demora. “Os prazos devem ser obedecidos, de acordo com a lei. Assim que houver a liberação, e acreditamos que isto ocorrerá em curto espaço de tempo, começaremos a chamar os aprovados, obedecendo-se, claro, os critérios de classificação”, disse ele.
Arrancada
O Chefe de Gabinete do Prefeito disse que a partir de agora, iniciando-se a segunda metade do atual mandato, existe uma proposta mais dinâmica de trabalho. Nos dois primeiros anos, segundo ele, foi tempo de se organizar administrativamente a Prefeitura, ampliando espaços, organizando o serviço interno e criando melhores condições para o atendimento ao público. “Isto, entretanto, não impediu que realizássemos obras importantes, tanto no aspecto físico, quanto no aspecto social. É o caso do Parque Ipiranga, a pavimentação de 25 bairros, entrega de moradias, construção de escolas, etc.”, disse ele.
Mas, é para este ano de 2011 que estão preparados os maiores desafios. Segundo Donizeth, no dia 30 deste mês começam, efetivamente, as obras do viaduto no cruzamento das avenidas Universitária e Presidente Kennedy. “Não será, apenas, festa de lançamento. O serviço vai se iniciar de verdade, com máquinas, operários e técnicos”, disse. Ele esclareceu que com o final do período chuvoso, começa, também, todo um trabalho de recuperação da malha viária, para o que todas as providências já estão sendo tomadas. Disse mais que existem muitos outros projetos extremamente importantes para a execução imediata e que serão anunciados pelo Prefeito Antônio Gomide nos próximos dias.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Prefeitura vai homologar lista de projetos aprovados

19/01/2018

A lista de projetos aprovados para realização com recursos do Fundo Municipal de Cultura foi divulgada no dia 15, mas a hom...

SENAI/Anápolis troca diretoria e anuncia novos projetos

19/01/2018

A Fieg Regional Anápolis, sob a presidência do empresário Wilson de Oliveira, realizou na última segunda-feira 15, a prim...

Obra do segundo viaduto segue, mas ainda sem a data de entrega

19/01/2018

Aproveitando a trégua dada pelas chuvas, a empresa JOFEGE, responsável pela execução do projeto de mobilidade urbana, que...

Repasses encolheram R$ 38 milhões

19/01/2018

As transferências da União para Anápolis registraram uma queda de 14,12% no ano de 2017, em relação a 2016, conforme lev...