(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Prédio abandonado é motivo de polêmica

Cidade Comentários 11 de setembro de 2014

O local já serviu como posto de saúde e escola. Hoje é um estorvo para a comunidade


A discussão sobre a quem cabe se responsabilizar por um prédio abandonado no Bairro Calixtolândia foi reacesa esta semana em Anápolis. Tudo por conta do encontro de um cadáver, supostamente, vítima de overdose de drogas. Trata-se do local onde, até há alguns anos, funcionou a Escola Estadual “Professor Salvador Santos”. Acontece que, segundo o que se apurou, o prédio foi construído pelo Governo do Estado, em um terreno cedido pela Prefeitura, há vários anos. Antes de funcionar como escola, ele serviu para sediar um posto de saúde, que atendia à comunidade local.
Depois de ser transformado em escola, o edifício foi sofrendo os desgastes naturais do tempo e, como não houve a preocupação em reformá-lo, ele acabou sendo considerado inapto e inadequado para abrigar uma escola. Assim sendo, a Subsecretaria de Ensino promoveu o remanejamento dos alunos para outras dependências. E, com o abandono, inevitavelmente, o local passou a ser frequentado por grupos marginais, moradores errantes e outras pessoas. Foram vários os casos de violência, como crimes sexuais; agressões, consumo de drogas e outros. Até que, há alguns dias, um homem apareceu morto em seu interior.
A Subsecretaria de Educação, da Rede Estadual de Ensino, informou que não existe qualquer interesse de sua parte no referido prédio, pois ele é de concepção muito antiga, sem contar que suas dimensões e a própria área são inadequadas para se edificar uma nova escola, dentro dos padrões exigidos, ou seja o que se denominou Escola do Século XXI. Do outro lado, a Secretaria Municipal de Educação informou que não pode adotar nenhuma providência, pois ainda não recebeu, formalmente, a devolução do terreno. Enquanto isso, os moradores da região lamentam e temem que coisas piores voltem a acontecer no prédio. Este assunto foi bastante explorado nos meios de comunicação da Cidade nos últimos dias, mas, pelo menos de forma oficial, não se anunciou qualquer providência no sentido de se dar uma solução para o caso.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Câmara Municipal de Anápolis vai ter seu hino oficial em breve

15/06/2017

O vereador Teles Júnior (PMN) informou, durante o uso da tribuna, na sessão ordinária da última segunda-feira,12, que pro...

Presidente da UVG defende 13º e férias para os vereadores

09/06/2017

Em visita à Câmara Municipal de Anápolis, na manhã da última quarta-feira,07, o Presidente da União dos Vereadores de G...

Anápolis ainda tem muito caminho para melhorar em informação

02/06/2017

Criada em 2011, a Lei de Acesso à Informação ainda não é aplicável de forma plena por boa parte dos municípios brasile...

MP pode aliviar dívida municipal com o INSS

18/05/2017

Durante a marcha dos prefeitos à Brasília, na terça-feira,16, o Presidente Michel Temer assinou uma Medida Provisória amp...