(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Pré-candidato deixa o PSD e estuda novos caminhos

Política Comentários 26 de fevereiro de 2016

PTN, Partido Trabalhista Nacional, é uma das alternativas para o jornalista Vander Lúcio Barbosa e seu grupo político


O jornalista Vander Lúcio Barbosa endereçou ao presidente regional do Partido Social Democrático (PSD), Vilmar Rocha, uma carta comunicando a sua desfiliação do partido em caráter “irrevogável e irretratável”. Segundo ele, uma decisão difícil, mas acertada para o momento atual. E, agora, há uma outra decisão pela frente: estar com seu grupo numa nova agremiação, para dar prosseguimento ao projeto que vinha sendo trabalhado no PSD.
Recentemente, Vander Lúcio recebeu a visita do deputado estadual Carlos Antônio, o qual fez o convite para integrar o seu partido, o Solidariedade. “Fiquei muito honrado com este convite, visto que o SD é um partido que vem crescendo no cenário político goiano e nacional”, disse, acrescentando ter também recebido propostas de outros partidos, sendo a mais recente por parte do Partido Trabalhista Nacional. Ele, inclusive, esteve, a convite do presidente estadual do PTN, Adriano Avelar, com a presidente nacional em exercício do partido, Renata Abreu. E, durante a conversa surgiu o convite não só para sua filiação ao PTN, como também para assumir o comando local da sigla, que tem hoje uma bancada com dois vereadores na Câmara Municipal- Gleimo Martins e Sargento Alberto.
Vander Lúcio analisa que a proposta do PTN é importante, pois não só ele, mas o seu grupo teria espaço para o trabalho que vinha fazendo no PSD, de introduzir uma mentalidade e um jeito diferente de fazer política. Esse trabalho, diga-se de passagem, vinha sendo bem conduzido até que, em setembro do ano passado, houve uma reunião em Anápolis, onde a direção do PSD lançou suas pré-candidaturas a Prefeito e a Vereador. Porém, ao mesmo tempo, abriu o leque para que o partido pudesse tomar outros rumos, abandonando a trajetória que havia iniciado de construir uma candidatura própria, oferecendo-se para apoiar outras candidaturas, até de lados antagônicos. “Se esqueceram que, assim como eu, muitos pré-candidatos a uma vaga na Câmara Municipal, que ajudamos a levar para o partido, estavam sintonizados conosco a um projeto e a um ideal”, lamentou.
O jornalista disse que mesmo não concordando, respeita a liderança do presidente Vilmar Rocha, “que é uma pessoa preparada e tem uma biografia política digna e vencedora, sobretudo”. Contudo, ressaltou ter ficado frustrado com os posicionamentos que começaram a ser tomados do final do passado para cá. “Não sou político profissional e o propósito que tinha, dentro do PSD, era que pudéssemos enriquecer o discurso e a prática política em nosso município”, destacou Vander Lúcio.
“Vamos, juntamente com o nosso grupo, decidir o caminho a tomar e, se preciso, começar do zero, voltar as nossas raízes, nossa essência. Se for no PTN, vamos trabalhar para fortalecer o partido, reconhecendo e valorizando as suas lideranças e trazendo novas ideias para contribuir para com o desenvolvimento socioeconômico e político de Anápolis”, sublinhou.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

19 prefeitos assinam filiação ao PSDB

18/08/2017

Os deputados estaduais Manoel de Oliveira (PSDB), Santana Gomes (PSL), Francisco Oliveira (PSDB), Charles Bento (PRTB), Gusta...

Fundo bilionário para patrocinar as campanhas

10/08/2017

Os deputados integrantes da comissão especial que analisa mudanças nas regras eleitorais (PEC 77/03) acabam de rejeitar um ...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...