(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Pesquisa aponta queda de inadimplência n o crediário e no cheque

Geral Comentários 06 de julho de 2012

Levantamento da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Anápolis anima os comerciantes


O Departamento de Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Anápolis, acaba de divulgar o resultado da estatística do mês de junho, observando, inicialmente, a queda de 5,92% no número de consultas em relação ao mês de maio. Já este mesmo mês, em relação a junho de 2011, registrou um aumento de 6,93%.
De acordo com o presidente da CDL Anápolis, Reinaldo Del Fiaco, este percentual já era esperado, visto que o mês de maio é a segunda data mais esperada pelos lojistas – o Dia das Mães, tomando por base o mês de junho quando se comemora o Dia dos Namorados. Na sua avaliação, o aumento de consultas é um ponto positivo para o comércio em razão de que a utilização dos serviços do SPC reduzem as preocupações dos comerciantes com as vendas de risco e, consequentemente, o uso dessa ferramenta reduz a inadimplência de forma significativa.
Foi detectada na estatística, também, uma queda da inadimplência de 14,47%, considerando os registros em junho em relação ao mês anterior, e no confronto com o mesmo mês de 2011, o indicador também caiu, registrando uma queda de 0,30%. Já para as compras a prazo e pagamentos com cheque, conforme os dados estatísticos houve uma queda de 19,50% em relação a maio de 2012. Na comparação com o mesmo mês em 2011, o número de registros também diminuiu em 28,63%. Para o presidente, esta queda nos registros é também ponto positivo para os lojistas. “Muita gente pagou suas dívidas com vistas nas compras para o Dia dos Namorados”; explica.
Ao ser avaliado o cancelamento de registros de inadimplência de consumidores junto ao SPC Anápolis, os dados apontaram uma queda de 14,09% no mês de junho, comparado ao mês de maio, já com relação ao mesmo mês do ano passado, esta porcentagem aumentou em 20,77%. E no registro de cancelamento de cheques foi detectado um aumento de 8,93% nesse mês, com relação ao mês anterior, e uma queda de 17,88%, em relação ao mesmo mês do ano passado.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Ampliado o alcance do Portal do Cidadão

20/10/2017

O Portal do Cidadão, lançado em julho pela Prefeitura, já apresenta resultados efetivos e se confirma como facilitador na ...

Audiência vai discutir o Estatuto do Desarmamento

20/10/2017

O Ministério Público Federal em Goiás (MPF) prorrogou o prazo das inscrições para os interessados em assistir à audiên...

Donos de postos e funcionário do Inmetro são presos pela PF

20/10/2017

Até a manhã desta quinta-feira,19, dois empresários de Anápolis se encontravam presos na carceragem da Polícia Federal, ...

Vereador quer melhorar transporte interestadual

20/10/2017

vereador Lisieux José Borges (PT), se reuniu com o presidente da Agência Goiana de Regulação (AGR), Ridoval Chiareloto, p...