(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Peça “Viração” em Anápolis

Contexto Jurídico Comentários 20 de agosto de 2010

Nos próximos dias 21 e 22, será encenada no Teatro Municipal de Anápolis a peça “Viração”.


Nos próximos dias 21 e 22, será encenada no Teatro Municipal de Anápolis a peça “Viração”. Com classificação etária de 18 anos, a peça é uma comédia satírica contemporânea que trata da perda do senso crítico diante do estado atual do mundo. Discute ilusões criadas pelo mundo globalizado e tecnológico, com suas tendências antinaturais, que envolvem as pessoas transformando as relações interpessoais.
A proposta da encenação de VIRAÇÃO, também, retira a platéia de seu lugar comum no espaço cênico. Questiona a sinceridade do aplauso, através da distribuição de tomates para serem lançados nos atores (tradição medieval), caso a peça desagrade. Os participantes (atores e platéia) vivenciarão um acontecimento cênico único e de conseqüências dramatúrgicas imprevisíveis. Os ingressos serão vendidos na bilheteria do teatro por R$ 10,00 a inteira.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Contexto Jurídico

Dos embargos aos estabelecimentos comerciais e da Administração Pública

08/11/2018

Ultimamente, muitos Municípios vêm embargando estabelecimentos comerciais, como bares e restaurantes, que atuam no período...

Notificação Extrajudicial e seus benefícios

02/11/2018

A Notificação Extrajudicial é uma forma de se buscar a resolução amigável para algum impasse, alguma controvérsia ou p...

Jornada de Trabalho – Reforma Trabalhista

25/10/2018

A Lei 13.467/2017 trata da Reforma Trabalhista que trouxe diversas mudanças importantes nas relações de empregos, entre el...

Negada indenização a vendedor que trabalhava 13 horas por dia

18/10/2018

A prorrogação da jornada de trabalho, ainda que em excesso, só gera indenização se for comprovado prejuízo à vida pess...