(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Passadeira que pediu demissão durante a gravidez não será reintegrada ao emprego

Contexto Jurídico Comentários 18 de agosto de 2017

Uma passadeira de roupas da SUPERSEC Lavanderias Ltda. que pediu demissão por iniciativa própria, durante a prorrogação de seu contrato por tempo determinado, não conseguiu o reconhecimento do direito à estabilidade garantida às gestantes.


A passadeira relatou que exerceu atividades laborativas na empresa durante 03 (três) meses, sendo dispensada quando estava grávida de aproximadamente 02 (duas) semanas. Por essa razão, pleiteava a reintegração ao trabalho, a garantia de emprego até 05 (cinco) meses após o parto e os valores a que teria direito durante o afastamento.

Por sua vez, a SUPERSEC sustentou que durante a prorrogação do contrato, a empregada deixou de comparecer ao trabalho e retornou somente depois de 02 (dois) meses e apenas para pedir demissão, em documento redigido de próprio punho.

O Regional, ao analisar o pedido, manteve Sentença favorável à lavanderia, observando que o pedido de demissão partiu da própria empregada, não havendo provas da existência de qualquer tipo de coação, não podendo a trabalhadora se enquadrar no artigo 10 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias - ADCT, por não haver qualquer arbitrariedade na dispensa ou ter sido ela sem justa causa.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Contexto Jurídico

Regulamentação de startups

25/04/2019

Startup é o ato de começar algo e, normalmente, está relacionado com companhias e empresas que estão no início de suas a...

Locar imóvel por curto período não altera seu caráter residencial, diz Tribunal de Justiça de São Paulo-TJSP

17/04/2019

Proprietários de imóveis que exploram o bem alugando-o em sites de hospedagem têm conseguido decisões favoráveis no Trib...

Responsabilidade pelo pagamento do IPTU – imposto sobre propriedade predial e territorial urbana

05/04/2019

Quando se trata de aluguel de imóvel uma das dúvidas mais frenquentes é, quem será o responsável pelo pagamento do IPTU ...

Contribuição sindical e seu caráter facultativo

15/03/2019

A Presidência da República editou a Medida Provisória 873, em 1º de março do corrente ano – MP 873/2019, que proíbe a...