(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

PAC 2: Anápolis quer sair na frente

Economia Comentários 01 de abril de 2010

Prefeitura se antecipa e busca a garantia de verbas para importantes obras


O prefeito Antônio Gomide fez um balanço da viagem a Brasília, no último dia 29, para acompanhar a solenidade do Governo Federal, no lançamento da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento. O evento contou com a presença do Presidente Lula e de vários ministros de Estado. O PAC 2 prevê investimentos de R$ 1,59 trilhão no período de 2011 a 2014, priorizando áreas que o próprio governo classifica de “alta sensibilidade social”, como moradia e saúde.
De acordo com Gomide, a intenção é que Anápolis esteja preparada para buscar mais investimentos nos próximos quatro anos, dentro do Programa de Aceleração do Crescimento. “Nós queremos colocar recursos para a infra-estrutura urbana, como drenagem, canalização de córregos e contenção de erosões, assim como, também, queremos buscar investimentos para melhorarmos as nossas áreas ambientais e os espaços para o lazer e o entretenimento da juventude, que terá uma vertente importante dentro do novo PAC”, sublinhou Gomide.
De acordo com o Prefeito, é necessário que o Município tenha um planejamento adequado para trabalhar a vinda dos recursos federais. “Nosso foco é estar entre as 70 cidades brasileiras consideradas prioritárias para os investimentos do PAC”, destacou, observando que, da mesma forma, o município estará buscando recursos junto ao Governo Federal, dentro da parceria que existe com o governo de Alcides Rodrigues. “De qualquer forma, temos de estar preparados para ter acesso aos recursos e fazer com que a cidade tenha desenvolvimento econômico e qualidade de vida”, pontuou Antônio Gomide.

Autor(a): Da redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Município cai no ranking goiano de exportações

16/11/2017

Mais de US$ 1,4 bilhão. Este é o valor da corrente de comércio, representada pela soma das exportações e importações f...

Produto Interno Bruto de Goiás registra queda de 4,3% em 2015

16/11/2017

A economia goiana movimentou R$ 173,63 bilhões em 2015, valor R$ 8,62 bilhões acima do registrado no ano anterior (R$ 165,0...

Secretário se compromete a intermediar causas de empresários com a Companhia

09/11/2017

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Francisco Pontes, afirmou que vai intermediar um encontro para solucion...

Luta nacional transforma-se em uma “briga” caseira em Goiás

09/11/2017

O Governo de Goiás e o setor produtivo travam uma verdadeira batalha em torno do Decreto 9.075, de 23 de outubro de 2017, as...