(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Os novos bacharéis da Fibra

Educação Comentários 22 de agosto de 2015

Turma da Faculdade FIBRA Anápolis cola grau e é destaque da entidade pelo alto índice de aprovação na OAB


Quatorze acadêmicos de Direito da Faculdade Instituto Brasil de Anápolis colaram grau na noite de sexta-feira, 21, no salão nobre da instituição. A formanda Márcia Cembranel conta que o padrinho da turma é o professor Hugo Costa Ferreira. Márcia lembra que a formação acadêmica hoje em dia é um pré requisito necessário para se obter êxito no mercado de trabalho. “Esta turma, especificamente, é destaque dentro da entidade pelo numero de aprovados na OAB.”


O acadêmico Jader Santana de Sousa ressaltou alguns momentos vividos pela turma no decorrer dos cinco anos. “Foram muitas afinidades, tensões, provas, trabalhos, festas, churrascos, conversas, brigadeiro, carinho, respeito, conquistas, vivências e enfim o TCC. Crescemos muito na presença uns dos outros, somos gratos aos nossos professores, pais, coordenadora, maridos, esposas, namorados, namoradas, amigos, por acompanharem nosso caminho, por nos motivar a continuar em frente, por ter chegado aqui conosco.”


O presidente do Jornal Contexto, Vander Lúcio Barbosa, afirmou que é uma honra ser paraninfo de uma turma. “É uma deferência especial”. E fez questão de quebrar o protocolo e cumprimentar a cada aluno, pelo nome: Alessandra Alves de Oliveira, Cleire Vieira de Moura Vilela, Elisangela Leonardo da Silveira, Elizangela Alves, Hélia Salvina da Costa Monteiro, Isabela de Abreu Lisboa de Almeida, Jader Santana de Sousa, Jullyene Sawy de Siqueira Melo, Leonardo Mandes Ferreira, Luciana Batista dos Santos, Márcia Regina Cembranel, Sarah Januario Matins, Thiago de Oliveira Dias, Weslwy da Cunha Jasse.”  Vander lembrou que também passou pela mesma situação em 1989. “Foi uma conquista inigualável.”


A mesa diretora foi composta pela coordenadora Pedagógica, Gisélia dos Santos Pereira Carmo, que no ato representou a Diretoria Geral da FIBRA; Vander Lúcio Barbosa, presidente do Jonal Contexto e paraninfo da turma; Guilherme de Morais Bittar, representando a professora Márcia Martins, Coordenadora do Curso de Direito da FIBRA; e a Julia da Costa Ferreira, representando o padrinho da turma, Hugo da Costa Ferreira.


Gisélia é professora há 20 anos, em seu discurso para a turma e os presentes ela destacou o importante papel da educação como ferramenta de transformação na vida humana. “Em um país onde as injustiças são históricas a educação se coloca como caminho para uma conquista social. Somos parte do processo de formação humana destes alunos. Não formamos homens e mulheres, participamos, contribuímos, para que eles se aprimorassem, evoluíssem, concluiu.”

Autor(a): Mariana Lourenço

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Educação

Acadêmicos da UniEVANGÉLICA fazem ato alertando sobre a questão do suicídio

25/04/2019

Foi apenas um abraço simbólico, mas por trás de todas aquelas mãos dadas, estava uma comunidade inteira pedindo ajuda. A ...

Controladoria divulga inspeção sobre o Pronatec/Universidade Estadual de Goiás

25/04/2019

A Controladoria Geral do Estado de Goiás tornou público o Boletim de Inspeção que trata de possíveis irregularidades na ...

Associação Educativa Evangélica celebra 58 anos do Instituto Superior de Educação

17/04/2019

Uma instituição que contribui para o ensino da Pedagogia com excelência. Assim pode ser definido o Instituto Superior de E...

Alunos promovem paralisação na UEG

13/04/2019

Os alunos da Universidade Estadual de Goiás – Campus Anápolis de Ciências Exatas e Tecnológicas – “Henrique Santill...