(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Musculação faz bem para todas as idades

Saúde Comentários 21 de novembro de 2014

Estigmatizada ao longo dos anos, prática de exercícios com pesos previne doenças, promove qualidade de vida e fortalece diversos grupos musculares


Convencionou-se denominar genericamente de musculação a prática de exercícios com pesos, uma modalidade que felizmente tem derrubado vários paradigmas. Não faz muito tempo que, quando se falava em musculação, imediatamente se associava à ideia de uma modalidade que estava absolutamente restrita ao grande desenvolvimento de massa muscular. Era um modelo de exercícios visto inclusive com desconfiança, para não falar com receio até mesmo pela classe médica.
Atualmente, o conceito de musculação mudou, sendo considerado um programa de exercícios na maioria das vezes indispensável, não só para estética e desempenho, mas também para saúde e qualidade de vida. Apesar desta mudança, ainda existem alguns mitos que “resistem ao tempo”. Nunca é demais voltar a discuti-los e melhor esclarecer.

Musculação prejudica o exercício aeróbico?
Não. Ao contrário, além de potencializar o desempenho em provas de resistência, protege o aparelho locomotor.
Musculação é proibida para idosos?
Ao invés de ser proibida, deveria até ser incentivada, pois a prática de exercícios com pesos para os idosos desacelera a perda de massa muscular, previne a osteoporose e comprovadamente diminui a incidência de quedas.

Adolescentes não podem fazer musculação?
Este é outro mito ainda prevalente. Na verdade, o receio que até certo ponto se justifica é a musculação pesada visando hipertrofia em jovens no estágio precoce de crescimento e desenvolvimento. A prática de exercícios com pesos visando fortalecimento pode ser perfeitamente associada a um programa de exercícios para jovens, mesmo antes da puberdade, desde que bem orientada.
Os exercícios com pesos são uma atividade que resgata uma qualidade física que talvez possa ser considerada a mais comprometida pela vigência dos confortos da vida moderna. Trata-se da regressão morfológica e funcional dos músculos esqueléticos devido ao desuso. Os músculos são extremamente sensíveis ao efeito dos estímulos e à falta deles. A hipotrofia muscular por desuso é a causa de inúmeros problemas. As lombalgias, artroses, e vários outros quadros que tendem a se tornar crônicos, na maioria das vezes têm sua origem na falta de fortalecimento de determinados grupos musculares.
Os exercícios com pesos, ou a musculação, como parte de um programa de exercícios, devem ser considerados uma absoluta necessidade para prevenção de doenças e promoção de saúde.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Saúde

Nova força-tarefa para combater a dengue, zika e chikungunya

16/11/2017

Durante solenidade realizada no Teatro Municipal, na última terça-feira,14, o Prefeito Roberto Naves reuniu dezenas de repr...

Dengue - Redução de casos economiza R$ 3,6 mi

09/11/2017

Com a chegada do período chuvoso, a Prefeitura de Anápolis volta a intensificar os cuidados com a dengue, chikungunya e zik...

Anápolis vai sediar campanha para doação de medula óssea

03/11/2017

Jovens e mães, Eva e Karise são duas amigas que enfrentam o mesmo problema: a leucemia. Eva Araújo, ex-servidora da Prefei...

Anápolis tem alta incidência de sífilis

20/10/2017

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou o Boletim Epidemiológico da Sífilis, publicação técnica da Coordenação Estad...