(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Multinacional anuncia investimento no DAIA

Economia Comentários 13 de novembro de 2015

Empresa belga Gerresheimer atua no segmento de embalagens para a indústria farmoquímica


Em cerimônia ocorrida no dia 09 último, no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia, com a presença do Governador Marconi Perillo, a multinacional belga Gerresheimer, que atua no setor de embalagens para o setor farmoquímico, assinou protocolo de intenção para a instalação de uma unidade fabril em Anápolis. O evento teve a presença do diretor geral do Grupo Gerresheimer no Brasil, Wellington Lentini, para a formalização do documento.


O presidente da Fieg Regional Anápolis, Wilson de Oliveira e o presidente executivo do Sindicato das Indústrias Farmacêuticas no Estado de Goiás (Sindifargo), Marçal Henrique Soares, prestigiaram a solenidade, que teve também a presença do prefeito de Anápolis, João Gomes, que participou da missão internacional à países da Europa, no mês de outubro passado, que incluiu a Bélgica no roteiro e uma visita à direção do grupo Gerresheimer, para o acerto de detalhes que vão resultar no investimento anunciado.


Segundo foi informado pela assessoria do Governo do Estado, a empresa vai investir na planta de Anápolis em torno de R$ 50 milhões, com previsão de gerar 200 empregos diretos.


O diretor da Gerresheimer no Brasil, Wellington Lentini durante o evento, que a empresa avaliou diversos fatores, antes da decisão da expandir os negócios para Goiás: “Os incentivos fiscais, a posição geográfica e o polo farmacêutico na região”. De acordo com ele, a instalação deve estar concretizada entre 2017 e 2018, mas não descarta a possibilidade de antecipação do cronograma. Pelo protocolo, a empresa terá os incentivos do Produzir.


Empresa de origem alemã, a Gerresheimer opera em mais de 40 países, na Europa, América do Norte, América do Sul e Ásia, com receita anual de aproximadamente 1,3 mil bilhão de euros. Possui mais de 11.000 funcionários e é líder mundial na fabricação em embalagens de plástico e vidro para o setor farmacêutico. As unidades em São Paulo são na Capital e nos municípios de Embu das Artes e em Cotia.


Apesar das primeiras tratativas para instalação da Gerresheimer em Goiás datarem de um ano e meio, a reunião na Europa acelerou o processo. “Nossa missão foi fundamental para que chegássemos às conclusões que eram necessárias”, destacou Marconi Perillo em seu pronunciamento.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Município cai no ranking goiano de exportações

16/11/2017

Mais de US$ 1,4 bilhão. Este é o valor da corrente de comércio, representada pela soma das exportações e importações f...

Produto Interno Bruto de Goiás registra queda de 4,3% em 2015

16/11/2017

A economia goiana movimentou R$ 173,63 bilhões em 2015, valor R$ 8,62 bilhões acima do registrado no ano anterior (R$ 165,0...

Secretário se compromete a intermediar causas de empresários com a Companhia

09/11/2017

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Francisco Pontes, afirmou que vai intermediar um encontro para solucion...

Luta nacional transforma-se em uma “briga” caseira em Goiás

09/11/2017

O Governo de Goiás e o setor produtivo travam uma verdadeira batalha em torno do Decreto 9.075, de 23 de outubro de 2017, as...