(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Motorista prevê ampliação da frota em curto prazo

Transporte Comentários 24 de fevereiro de 2017

Iniciado a poucos dias, o serviço de transporte privado já conta com uma frota em circulação de quase 100 veículos


Funcionando desde o último dia 14, o aplicativo Uber começou a operar em Anápolis com mais de 100 veículos da modalidade UberX. São unidades a partir do modelo/ano 2008, quatro portas, cinco lugares e ar condicionado. Um comunicado da empresa diz que ela chega a Anápolis para fazer parte da Cidade, oferecendo uma nova alternativa de renda e mobilidade acessível, moderna e eficiente.
“Nosso trabalho é no sentido de dobrar o número de veículos em oferta para a população de Anápolis em curto espaço de tempo”, disse um parceiro do Uber, identificado apenas com o nome de Cruz, em um contato por telefone. Ele considera “normal” a reação dos taxistas contrários à presença dessa nova plataforma e afirma que é um direito que eles têm de se manifestarem. “Mas o Uber é a favor da livre escolha”, destacou Cruz garantindo que o aplicativo veio para somar e colaborar com a economia da cidade.
Ele se refere ao movimento que o Uber vai proporcionar aos setores de prestação de serviços e produtos e outros segmentos da economia. Lembrou que os veículos do Uber vão provocar o crescimento de vendas de combustíveis; elevar as vendas nos postos de abastecimento; nos lavajatos; lojas de peças e serviços automotivos; lanchonetes; restaurantes, dentre outros. “É uma vasta cadeia de produtos e serviços que será grandemente movimentada”, acrescentou o parceiro do Uber lembrando, ainda, que até o DETRAN será beneficiado com a renovação de CNH, categoria B, de motoristas que estavam com o documento vencido e que, agora, estão procurando o órgão para renová-lo depois de se tornarem parceiros do Uber.
Movimento em cadeia
“Portanto, esse movimento em cadeia proporciona, também, um aumento de receita para o Município”, acrescentou Cruz. Ele nega a desconfiança de taxistas, segundo a qual, o Uber pode ter entre seus parceiros alguns motoristas criminosos ou suspeitos. Segundo ele, o aplicativo oferece treinamento especializado para seus motoristas e exige comprovante de antecedentes criminais nas esferas federal, estadual e municipal, além de oferecer seguro para os motoristas e usuários.
De acordo com o parceiro do Uber, neste momento de crise de desemprego, o aplicativo pode ser considerado uma nova fonte de renda para pessoas que estão em busca de trabalho. “É uma nova opção para a população”, acrescenta Cruz, garantindo que os usuários passarão a conhecer essa nova alternativa de transporte individual rapidamente, o que facilitará o aumento do número de pessoas que utilizam o serviço. Segundo ele, o atendimento é rápido, seguro e eficiente.
“É um nicho diferente no mercado”, disse o parceiro do Uber assegurando que o aplicativo veio para ficar. Ele revelou que o Uber-X tem suas corridas com um custo fixo de R$ 0,75 e um preço base de R$ 2,50. A esse valor são somados R$ 1,19 por quilômetro rodado e R$ 0,13 por minuto de viagem. O preço mínimo e a taxa de cancelamento são de R$ 6,00. “É um custo no mínimo 30% inferior ao que cobra um táxi”, garantiu.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Transporte

Frota terá gestão inteligente em breve

30/11/2017

O vereador João da Luz (PHS) repercutiu durante a sessão da Câmara Municipal realizada na última segunda-feira, 27, a vi...

Passagem reajustada após 18 meses

03/11/2017

Depois de, exatamente, um ano e meio, o valor da tarifa do transporte coletivo, em Anápolis, sofreu novo reajuste. A passage...

Passe livre estudantil para 15 mil estudantes em Anápolis

03/08/2017

Centenas de jovens lotaram o auditório do Senac, na tarde desta quinta-feira,03, para acompanhar a solenidade oficial de lan...

Gratuidade no transporte público ganha nova regulamentação

20/07/2017

Foi publicado no Diário Oficial da última quarta-feira,19, o Decreto nº 41.699, regulamentando a Lei Municipal nº 3.824, ...