(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Missão comercial começa pela Espanha

Economia Comentários 16 de outubro de 2015

Alemanha, Bélgica e Holanda também fazem parte do roteiro da comitiva goiana. Prefeito de Anápolis, João Gomes, também faz parte


O governador Marconi Perillo abre nesta sexta-feira,16, em Madrid, a agenda de trabalho da missão comercial do Governo de Goiás à Europa. A comitiva embarcou na noite de quarta-feira, dia 14, e tem compromissos na Espanha, Alemanha, Bélgica e Holanda. A volta ao Brasil será no próximo dia 29. Durante a viagem, o vice-governador José Eliton assume o comando do Poder Executivo estadual.


Entre os destaques da agenda na Europa estão Seminários de Negócios em Madrid (Espanha), Berlim (Alemanha), Bruxelas (Bélgica) e Amsterdã (Holanda), ocasião em que Marconi apresentará os números e potencialidades da economia de Goiás. Em Madrid e Bruxelas ele promoverá reuniões do Projeto Andorinhas, que tem como objetivo orientar o goiano residente no exterior a planejar a vida financeira, por meio da oferta de cursos, assessoria para abertura de micro e pequenas empresas, orientação para obtenção de crédito, entre outras ações.


O governador vai fazer das reuniões do Projeto Andorinhas, agenda obrigatória das missões oficiais do Governo de Goiás no exterior. Outra novidade da Missão Europa é que, pela primeira vez, a comitiva de integrantes do governo, representantes de universidades e empresários atuará em frentes distintas e simultâneas de trabalho. Ele vai concentrar a agenda nas reuniões em embaixadas, ministérios e outros órgãos públicos. Os auxiliares que integram a comitiva representarão Marconi nas atividades simultâneas.


 


Bruxelas


No dia 23 de outubro, em Bruxelas, o governador recebe a Comenda da Ordem da Coroa da Bélgica, um dos principais títulos concedidos pelo rei Philippe Leopoldo Luís Maria a estrangeiros e belgas, pelos serviços prestados àquele País europeu. Um dia antes, Marconi e comitiva visitam os portos belgas de Liège e da Antuérpia, que têm interesse em ampliar a entrada da produção goiana destinada ao mercado consumidor europeu – atualmente, a principal porta de entrada é Roterdã, na Holanda.


Acompanham o governador a secretária de Educação, Cultura e Esporte, Raquel Teixeira; a presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapeg), Maria Zaíra Turchi; o reitor da Universidade Estadual de Goiás (UEG), Haroldo Reimer; o secretário-chefe do Gabinete de Gestão de Assuntos Internacionais, Isanulfo Cordeiro, e o superintendente de Comércio Exterior da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), William O’Dwyer. O Prefeito de Anápolis, João Gomes, também integra a comitiva, mas somente se juntará à ela na Alemanha.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Goiás terá maior aporte de recursos para o setor agropecuário em 2018

19/01/2018

O Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) destinou em 2017 mais de R$ 7,7 bilhões para investimentos em ...

Receita Federal arrecada mais de R$ 4 bi em 2017 no Município

19/01/2018

Depois de resultados negativos nos dois últimos anos, as arrecadações fazendária e previdenciária acumuladas na área de...

Exportações por Anápolis fecham 2017 com queda preocupante

12/01/2018

As exportações feitas por Anápolis fecharam o ano de 2017 com uma queda de 31,02% frente ao ano de 2016, conforme os dados...

Anápolis termina 2017 com bom estoque de empregos formais

29/12/2017

Apesar da grande diferença na comparação com o mês de outubro, Anápolis manteve o saldo positivo na geração de emprego...