(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Meio Ambiente é requisito para o desenvolvimento sustentável da Cidade

Política Comentários 29 de setembro de 2016

Município com seus quase 400 mil habitantes, busca harmonizar o desenvolvimento com a preservação ambiental, visando a melhoria da qualidade de vida das pessoas


Encerrando a série especial das propostas dos candidatos à Prefeito de Anápolis, o tema em questão é o Meio Ambiente. Com quase 400 mil habitantes e um dos principais polos industriais do interior do País, o Município não pode abrir mão de ter uma gestão planejada em relação a este setor, que é fundamental para garantir a qualidade de vida da população.
Em que pese o fato de a Cidade ter alcançado algumas conquistas importantes como, por exemplo, a implantação do aterro sanitário e dos parques ambientais, ainda há muito o que se avançar em relação ao meio ambiente, sobretudo, quanto a preservação de áreas verdes e das nascentes. Anápolis é considerado um “berço” de águas, mas precisa cuidar melhor do seu patrimônio. Vamos, então, conhecer as propostas dos candidatos:

PROPOSTAS DE CARLOS ANTÔNIO

Sustentabilidade é um termo usado para definir ações e atividades humanas que visam suprir as necessidades atuais dos seres humanos, sem comprometer o futuro das próximas gerações. Ou seja, a sustentabilidade está diretamente relacionada ao desenvolvimento econômico e material sem agredir o meio ambiente, usando os recursos naturais de forma inteligente para que eles se mantenham no futuro. Para isso, implantaremos o Parque Linear das Antas, com a recuperação das erosões e as nascentes do Rio das Antas, além da replantação da mata ciliar na área de preservação permanente. Construiremos trilhas, calçadão para caminhada, bosque, área de lazer, quadras de esportes, biblioteca ambiental, espaço cultural, área de meditação, espaço Cerrado (acervo de informações sobre o bioma Cerrado). Recuperaremos o Central Parque da Juventude Onofre Quinan e promoveremos a recuperação das nascentes e matas ciliares nas áreas de preservação permanente em toda a bacia hídrica no perímetro urbano de Anápolis.
Ainda, revitalizaremos e preservaremos as áreas verdes remanescentes na cidade, especialmente nos bairros Arco Verde, Jamil Miguel Sul, Pirineus e Anápolis City. Revitalizaremos os parques municipais existentes, como o Ipiranga, Antônio Marmo Canedo da Matinha, Liberdade, Parque da Cidade, Onofre Quinan, Reboleira, dentre outros. Promoveremos a gestão da ocupação racional e sustentável das praças e parques da cidade. Investiremos na arborização, promovendo a substituição e plantio de árvores em toda a Anápolis. Implantaremos 16 ecopontos em locais estratégicos pela cidade, a fim de receber da comunidade resíduos sólidos recicláveis e descartes domésticos. Implantaremos ações para recuperar as erosões localizadas no perímetro urbano de Anápolis, em parceria com o Governo Estadual e o Governo Federal. Colocaremos em prática o Plano de Manejo da Bacia Hidrográfica do Ribeirão Piancó. E por fim, ampliaremos a coleta seletiva do lixo em Anápolis.

PROPOSTAS DE ERNANI DE PAULA

O cuidado com o meio ambiente é, efetivamente, uma de minhas maiores preocupações, haja vista que o setor será contemplado com uma pasta específica, apesar da redução para apenas sete secretarias que será realizada em minha gestão. A razão é simples: meio ambiente, muito mais que uma bandeira, é uma necessidade premente.
De forma objetiva, minha proposta passa por um firme programa de valorização, recuperação e proteção das áreas de preservação permanente e pela elaboração do Zoneamento Ecológico Econômico da totalidade da área de nosso Município. Paralelamente vamos criar projetos que permitam desenvolver tecnologias para solucionar os problemas advindos de áreas erodidas, existentes em número considerável na cidade.
Isso implica na definição e priorização da recuperação de áreas degradadas e com risco ambiental, assim como em um projeto para os espaços verdes, com cadastramento georeferenciado das áreas de preservação permanente e política de recuperação. Anápolis terá ainda, o Projeto Unidades de Conservação, que será implantado em concordância com o Sistema de Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). Meu plano para a área prevê também a criação de Parques Lineares ao longo das áreas de preservação permanente e a intensa fiscalização das áreas de preservação permanente.
Em outra ponta, vou ampliar a coleta seletiva com separação dos resíduos em parceira com cooperativas, fiscalizar a disposição ilegal de resíduos sólidos em áreas públicas e particulares e disponibilizar ecopontos em diversas áreas do município para a captação de resíduos para reciclagem. A gestão adequada dos resíduos hospitalares, industriais e da construção civil e a educação ambiental, tanto na área urbana quanto na rural, estão entre as minhas propostas.
Vou ainda, requalificar os espaços comerciais nos bairros com equipamentos de uso coletivo, atualizar o Código Municipal do Meio Ambiente, fechar e limpar os lotes baldios, além de ampliar a varrição nas áreas periféricas da cidade.

PROPOSTAS DE JOÃO GOMES

São vários os elementos que proporcionam maior qualidade de vida à população das cidades. Dentro deste cenário estão, sem dúvida, as ações ambientais. A atividade econômica deve crescer e empregar ao mesmo tempo em que a preservação dos recursos naturais deve ser incentivada, sem prejuízo para os dois segmentos. Dessa forma, promover sua perfeita integração: economia e meio ambiente, emprego, renda e preservação de recursos.
Por meio do Anápolis - Orgulho de Goiás busca fortalecer todas as atividades de turismo, esporte e lazer aproveitando os espaços públicos e naturais para a realização de atividades de recreação. Outra iniciativa será a criação do Cidadão Empreendedor, que garantirá qualificação profissional de pessoas interessadas em mudar de profissão ou área de trabalho, para manter-se regularmente remunerado durante todo período do ano, com condições de empreender e crescer. Outra novidade será a criação do Mapa do Emprego, que irá mobilizar e concentrar todas as informações sobre vagas no mercado de trabalho para remanejar e distribuir via identificação vocacional.
Seguindo essas premissas, o governo do prefeito João Gomes prevê a criação do programa Produzir Sustentável, que irá implantar novas alternativas de energia limpa e renovável nos órgãos públicos e em novos empreendimentos sociais, além de incentivos para empresas e o comércio local.
Em Anápolis, há um setor específico que recebe grandes avanços: a implantação e funcionamento de grandes espaços ambientais. Por isso mais três Parques Ambientais serão construídos, além disso, o prefeito João Gomes tem o objetivo de potencializar e aumentar o sistema de Coleta e Tratamento do Lixo. Dando continuidade à política de preservação ambiental, o trabalho de conservação e recuperação de nascentes será intensificado.

PROPOSTAS DE JOSÉ DE LIMA

É impossível falar em futuro sem tocar no assunto meio ambiente. Vivemos tempos em que é preciso despertar a consciência ecológica e buscar meios mais sustentáveis de sobrevivência. Torna-se imprescindível desenvolver novas técnicas de cultivo, produção e consumo, que tenham como base a sustentabilidade e a preservação dos recursos naturais. Intensificar os cuidados com o meio ambiente exige medidas urgentes, é um trabalho a ser encarado com muita seriedade e conscientização social.
Em Anápolis, varias frentes de ação devem ser trabalhadas. Na base de tudo, a educação é o caminho para uma sociedade mais consciente, em parceria com as escolas estaduais e municipais vamos desenvolver programas sociais, promover palestra e atividades que ajudem os alunos a desenvolver o senso de cuidado e responsabilidade.
A questão da água é preocupante na cidade, os recursos devem ser melhor aproveitados e o cuidado com os rios devem ser intensificado. Para solucionar o problema da falta de água nos períodos de estiagem, um novo reservatório será feito e novas bombas d’agua serão implantadas para atender à crescente demanda da população. Vamos buscar junto a SANEAGO alternativas viáveis e cobrar um atendimento de mais qualidade nos serviços. A longo prazo vamos analisar a necessidade da municipalização dos serviços de água e esgoto, visando sempre o melhor para a cidade de Anápolis.
Ampliar a coleta seletiva de lixo faz parte de nossas propostas para a implantação de novas políticas de manuseio e destinação do lixo. Juntamente com o incentivo às Cooperativas de reciclagem que tem desempenhado um papel fundamental, dando novo destino ao lixo e contribuindo para a preservação.
É fundamental que cada seja consciente de que é uma responsabilidade de todos, manter e preservar o meio ambiente. Para tanto é vital, desenvolver hábitos mais sustentáveis e em sintonia como meio ambiente. Garantindo assim um futuro melhor para nós, nossos filhos, nossa cidade.

PROPOSTAS DE PEDRO CANEDO

Quando consideramos a Política Nacional do Meio Ambiente entendemos o quanto o meio ambiente é essencial e o quanto precisa ser feito! A necessidade básica deve ser garantida: Água. Para isto, vamos criar o Sistema Municipal Autônomo de Água e Esgoto. E assim, assumiremos a responsabilidade de fornecer água para toda a população de Anápolis. O bom gestor não pode deixar a população desamparada, ao desdém do Estado.
É preciso agilizar o processo de licenciamento ambiental no município. Teremos leis e planos diretores setoriais próprios, bem como o código municipal para a o meio ambiente. Atualmente existe uma fiscalização ambiental deficitária pela falta de fiscais específicos para a área de meio ambiente, devendo assim ser realizado a contratação através de concurso público destes profissionais.
Vamos otimizar a Coleta Seletiva através da ampliação da Central de Triagem de Materiais Recicláveis, além do fortalecimento das cooperativas de catadores já existentes, e a criação de novas cooperativas. Faremos a gestão de Resíduos Sólidos e Limpeza Urbana. Isso implica em varrer, coletar e destinar corretamente os resíduos sólidos comerciais, residenciais e dos serviços de saúde em Aterro Sanitário adequado ao recebimento dos resíduos sólidos urbanos, com trincheiras impermeabilizadas e o tratamento de chorume.
Teremos atenção com os parques, praças e canteiros centrais que necessitam de reforma, revitalização e manutenção, além de construção de novas praças em bairros que ainda necessitam.
É preciso cuidar da recuperação das nascentes dos principais corpos hídricos do município, que estão degradadas devido a inúmeras ações antrópicas, devendo estas serem protegidas fisicamente. Também é necessário fazer a recomposição a vegetação nativa, o que irá garantir a quantidade e qualidade da água dos mananciais hídricos do município. Por fim, faremos a reforma e humanização da gestão dos cemitérios Municipais São Miguel e Parque.

PROPOSTA DE ROBERTO DO ÓRION

Criar o programa de Proteção e Conservação das Nascente e Monitoramento das Microbacias hidrográficas do Rio das Antas, Ribeirão João Leite, Rio Piancó, Rio Padre de Souza e Rio Caldas.
Criar o programa de coleta Seletiva e Reciclagem de Materiais. Institui a reciclagem de papeis em todos os órgãos da prefeitura.
Construir novos Parques Ambientais promovendo a cultura da preservação, conservação e contemplação dos recursos naturais aliado a prática esportiva e atividades culturais.
Fazer com que o município de Anápolis assuma o compromisso do licenciamento florestal e ambiental, facilitando a fiscalização e a obtenção de licença para empreendimentos industriais e comerciais, impulsionando a geração de emprego e renda.
Promover a sustentabilidade na mobilidade urbana através da rede de ciclovias priorizando os novos loteamentos e vias.
Desenvolver um detalhado estudo socioeconômico e ambiental do município produzindo mapa de uso do solo, mapa de vegetação indicando as Áreas de Preservação Permanente; APP, e mapa de áreas verdes urbanas.
Atualizar o Plano de Saneamento. Definir um prazo para acabar com as fossas sépticas e descargas de esgoto na natureza.
Criar o Serviço Municipal de Tratamento de Resíduos da Construção Civil.
Atualizar o Plano de Arborização Urbana com levantamento detalhado para ampliar a arborização urbana com espécies nativas do Cerrado.
Unificar as calçadas para padrão ecológico em todos os prédios públicos, dando o exemplo para as novas construções.

PROPOSTAS DE VALERIANO ABREU

Preocupado com o presente e futuro da população de Anápolis, Valeriano propõe uma administração voltada para a sensibilização e prática da sustentabilidade. O objetivo é remediar os impactos ambientais provocados pela forma errada que o ser humano usufrui dos recursos da natureza e dos próprios bens de consumo. Seguem algumas ações propostas:
1-Promover a adaptação da sustentabilidade dos prédios públicos com foco na economia de água e energia;
2-Aumentar espaços de absorção de água pelo solo;
3-Oferecer desconto no IPTU para imóveis sustentáveis;
4-Todo lixo passível de reciclagem será destinado às cooperativas de catadores e empresas que atuam nesse ramo;
5-Incentivar o uso da energia solar por meio de parceria com empresas;
6-Os novos bairros serão sustentáveis com plantio de árvores nativas, utilizar a água da chuva e incentivar a reutilização da água;
7-Proteção das nascentes, margens e despoluição dos rios da cidade;
8-Ampliar e incentivar o cultivo da agricultura orgânica, oferecendo melhores condições ao pequeno agricultor;
9-Ampliar e reorganizar o sistema de coleta seletiva, instalando pontos fixos de coleta de produtos recicláveis, inclusive lixo eletrônico, nos bairros;
10-Promover campanhas permanentes de sensibilização e educação ambiental com informativos;
11-Ampliar a rede de esgoto da cidade, investindo o mínimo de R$20 milhões por ano;
12-Investir no transporte público, para que tenham menos carros poluindo o ar;
Valeriano destaca sua preocupação não só com a gerações atuais, mas também com as que virão. O objetivo é que as novas gerações cresçam com a consciência de prevenir e cuidar do meio ambiente.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

19 prefeitos assinam filiação ao PSDB

18/08/2017

Os deputados estaduais Manoel de Oliveira (PSDB), Santana Gomes (PSL), Francisco Oliveira (PSDB), Charles Bento (PRTB), Gusta...

Fundo bilionário para patrocinar as campanhas

10/08/2017

Os deputados integrantes da comissão especial que analisa mudanças nas regras eleitorais (PEC 77/03) acabam de rejeitar um ...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...