(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Marconi recebe aval do Governo Federal para contratação de empréstimos

Política Comentários 17 de fevereiro de 2012

A Presidente Dilma Rousseff assinou o termo de ampliação de crédito que vai beneficiar os estados de Goiás, Rio Grande do Norte e Santa Catarina


O governador Marconi Perillo participou de encontro na manhã da última quinta-feira,16, com a presidente Dilma Rousseff, na Sala de Audiências do Palácio do Planalto, em Brasília. Na reunião, foi assinado o termo de entendimento para ampliação de crédito fiscal dos estados de Goiás, Rio Grande do Norte e Santa Catarina. Com isso, a presidente estará dando autorização para que os governos contratem novas operações de crédito.
Juntos, os três estados poderão ampliar em R$ 2,3 bilhões seus investimentos por meio da contratação de empréstimos. Na cerimônia que reuniu os governadores no Palácio do Planalto, a presidenta Dilma Rousseff defendeu a expansão dos investimentos nos estados para, junto com os investimentos privados, garantir o crescimento econômico. No total, o governo já liberou cerca de R$ 40 bilhões em créditos fiscais para os estados.
“Não só é muito significativo que estados brasileiros possam investir em rodovias, em saneamento, em programas sociais de erradicação da pobreza, que possam viabilizar projetos que são essenciais para o desenvolvimento dos estados, como também nós vamos buscar, de todas as formas, incentivar e assegurar condições melhores para o investimento privado. Essa combinação – investimento privado e investimento público – é virtuosa para um crescimento sustentável e acelerado”, disse.
O ministro da Fazenda, Guido Mantega, explicou que a revisão dos limites de endividamento só foi possível por causa do bom desempenho fiscal dos estados. Segundo ele, com a ampliação do crédito, os estados poderão contratar financiamentos para executar projetos de infraestrutura, o que ajudará o país a enfrentar a crise internacional. O Brasil, disse Mantega, é um dos poucos países que reúnem condições para acelerar o crescimento em 2012.
O governador de Goiás, Marconi Perillo, destacou o “tratamento republicano” dispensado pelo governo federal aos estados e lembrou que o estado conseguiu reverter o déficit de R$ 2,7 bilhões previsto para 2011, o que permitiu a ampliação do crédito fiscal. “Fizemos o nosso dever de casa, mas o tratamento republicano do governo federal significa o comprometimento com uma política de enfrentamento das desigualdades regionais”, disse Perillo.

Agenda em SP
O estreitamento dos laços entre São Paulo e as economias de Estados em desenvolvimento, incluindo Goiás, na perspectiva de pôr fim a contratempos de natureza fiscal foi o assunto predominante do encontro entre o governador Marconi Perillo e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). O encontro aconteceu na terça-feira,14, no Palácio dos Bandeirantes, sede oficial do governo paulista.
Acompanhado do secretário da Fazenda de Goiás, Simão Cirineu Dias, Marconi discutiu com Alckmin soluções para os problemas que os Estados emergentes vêm enfrentando com autos de infração fiscal, Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADINs), taxação de produtos e transferência de empresas.
No que se refere à relação dos dois Estados, Marconi apresentou a Alckmin a proposta de complementariedade das economias, de modo a garantir o equilíbrio na balança comercial das duas unidades federativas. Para isso, ficou acertado que os secretários estaduais de Fazenda de Goiás e de São Paulo, Andrea Calabi, vão manter reuniões periódicas para definir as bases da política fiscal entre os dois Estados. Dessas reuniões devem surgir propostas, a médio e longo prazos, que venham superar o problema dos autos de infração fiscal e as questões levantadas no âmbito do Confaz.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Nova estrutura administrativa entra na pauta de sessão extra na Câmara

17/01/2019

Nesta sexta-feira, 18, a Câmara Municipal se reúne em sessão extraordinária, para a apreciação de 10 projetos que trami...

Mudanças na equipe no início da segunda metade do governo

17/01/2019

Na segunda parte de seu mandato, o Prefeito Roberto Naves está promovendo uma série de mudanças na estrutura da máquina a...

Núcleo de assessoria é a principal novidade da Reforma Administrativa

17/01/2019

Uma das principais mudanças na estrutura da Administração Municipal, a criação de um núcleo composto por seis assessori...

Situação fiscal do Estado provoca embate entre Caiado e Marconi

10/01/2019

A situação fiscal de Goiás tem elevado o tom do debate entre o atual Governador, Ronaldo Caiado (DEM) e o ex-Governador Ma...