(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Marconi afirma que vai responder denúncias de delatores em breve

Justiça Comentários 19 de abril de 2017

Governador disse que confia na Justiça e que apresentará defesa técnica sobre todos os pontos levantados nas denúncias


O governador Marconi Perillo afirmou nesta quarta-feira, 19, ao final do pronunciamento no lançamento do 1º Circuito Gastronômico de Goiás 2017, no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia, que está terminando de se inteirar sobre o conteúdo das citações e que irá esclarecer cada um dos pontos apresentados. Marconi afirmou que não tem nada a temer, observando que as contribuições de campanha foram declaradas e aprovadas pela Justiça Eleitoral e que as obras da Saneago no Entorno do Distrito Federal sequer foram licitadas.
“Quem me conhece sabe que eu não temo desafio algum”, afirmou Marconi. “Eu confio na Justiça, tenho muita convicção em relação ao que os nossos governos fizeram e fazem por Goiás. Especialmente, tenho convicção em relação a toda correção das nossas campanhas eleitorais, que foram fundamentais para dar uma guinada definitiva na história de Goiás”, disse o governador.
Ele ressaltou sua confiança na Justiça e afirmou que responderá tecnicamente a todos os pontos levantados. Marconi observou que não há procedimento de investigação aberto, mas que, como cidadão e governador, estará sempre à disposição para prestar todos os esclarecimentos, permitindo que as boas práticas eleitorais e administrativas sejam reconhecidas.
Afirmou que seu objetivo, além de esclarecer as citações, restabelecendo a verdade, é manter seu compromisso com a transparência, numa menção a seu apoio às diversas investigações em andamento no País. “Estarei à disposição, assim que eu tiver todos os elementos, pra chamar a imprensa em entrevista coletiva e dar todos os esclarecimentos em relação a estes assuntos. Eu sofri um ano e meio de cabeça erguida e não vai ser agora que vou me abater”, disse.
Obras no Entorno
Marconi também esclareceu as citações sobre a realização de obras de saneamento no Entorno do Distrito Federal. “Nós investimos, de 2011 pra cá, R$ 6 bilhões em obras, licitadas por vários órgãos do governo. A construtora Odebrecht não ganhou uma licitação, não participa de nenhuma”, disse. “Falam do Entorno de Brasília, não foi feito licitação, tudo que foi feito no Entorno foi pela Saneago, com recursos da Saneago, recursos do PAC, recursos da Caesb”, observou.
O governador disse ainda que sequer houve discussão sobre licitação de subdelegação de obras de saneamento na região. “Nós temos uma parceria para a construção do sistema Corumbá 4 com a Caesb com o Governo de Brasília, uma outra em Águas Lindas, com recursos do PAC, que está nos ajudando, no sistema de esgoto de Águas Lindas”, afirmou. “Goiás era um Estado considerado periférico no Brasil. É hoje um Estado moderno e respeitado no Brasil inteiro”, disse.
“Desde o primeiro momento, eu disse que esclareceríamos o assunto, quando nós tivermos todas as informações em relação a todo o teor do que foi dito”, afirmou. “Quem me conhece sabe que eu não temo desafio algum. Eu enfrentei, durante mais de um ano e meio, uma fortíssima perseguição por parte de políticos, adversários, e fui ao Congresso Nacional e falei durante 9 horas”, afirmou.
“Assim que eu tiver todos os elementos, eu vou esclarecer ponto por ponto em relação ao que está sendo divulgado na imprensa, com o mesmo destemor, com todas as informações necessárias em relação a cada um dos pontos que estão sendo colocados unilateralmente por alguns setores da imprensa”, disse o governador. Eu confio na Justiça, tenho muita convicção em relação ao que os nossos governos fizeram e fazem por Goiás”, disse. (Com informações do Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás)

Autor(a): Da Redação

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Justiça

MPF põe ex-deputado na linha de investigação

18/05/2017

O Ministério Público Federal em Goiás (MPF/GO), por meio do seu Núcleo de Combate à Corrupção, requisitou ao Departame...

Prefeito e vice de Goianésia têm mandatos cassados

11/05/2017

Em ação proposta pelo Ministério Público Eleitoral, o juiz da 74ª Zona Eleitoral, André Reis Lacerda, cassou os diploma...

Mãe que busca justiça para morte do filho vira ré

04/05/2017

Desde que perdeu o filho, Paulo Gabriel Lopes Tonetto, então, com pouco mais de 24 anos de idade, Elza Maria Parreira Lopes ...

Corte Especial inicia julgamento de processos contra Demóstenes Torres

27/04/2017

A Corte Especial do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) começou a julgar, na sessão ordinária da última quart...