(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Mais uma unidade do projeto Criar e Tocar foi implantada na Cidade

Educação Comentários 17 de maro de 2017

Núcleo vai oferecer 40 vagas nos cursos de instrumentos de orquestra nas dependências da Primeira Igreja Batista de Anápolis


Quem esteve na tarde da última terça-feira,14, na Primeira Igreja Batista de Anápolis esperava encontrar mais uma solenidade de ampliação do Projeto Criar e Tocar, que atende e promove a inclusão social de crianças e adolescentes, com atividades de música e artes plásticas.
Mas quem foi o local percebeu a grandeza da iniciativa para proporcionar um futuro digno a jovens que participam do projeto. O evento de terça-feira, 14, marcou o início das atividades do 6º núcleo do projeto, que irá atender às regiões da Vila Fabril, Lapa, Pedro II e Jardim das Oliveiras e irá funcionar na Primeira Igreja Batista. Desde 2005, quando foi criada, a iniciativa já beneficiou mais de 10 mil adolescentes, entre 9 e 17 anos.
Presente no evento, o presidente da Associação Educativa Evangélica, Ernei de Oliveira Pina, destacou “os talentos do futuro e aqueles que estão se revelando e vão se revelar”, ao falar sobre a importância do projeto para os beneficiados.
“O projeto criar e tocar foi justamente uma destas sementes que deram certo”, exaltou. Ele ainda evidenciou a relevância da parceria com a Prefeitura de Anápolis para que o Criar e Tocar seja um sucesso e revelou ser um “torcedor do sucesso do projeto”
O prefeito municipal de Anápolis, Roberto Naves, destacou o sonho dos adolescentes e crianças e incentivou-os a perseguirem seus projetos pessoais. Contou um pouco sobre sua história, relembrando-se das dificuldades por que passou em sua vida como professor, diretor de escola, até chegar ao cargo de chefe máximo do Executivo Anapolino.
“Nós podemos ser aquilo que quisermos. Nós vamos ser aquilo que acreditarmos”, disse, direcionando suas palavras às crianças e adolescentes do Projeto Criar e Tocar, que encantaram aos presentes com uma belíssima apresentação.
A Professora Marisa Espíndola, coordenadora do Projeto Criar e Tocar, mencionou a importância desta ação para o desenvolvimento social e comunitários daqueles que são beneficiados.
Ela referendou a importância da parceria entre o a Associação Educativa Evangélica e a Prefeitura Municipal, que garante a continuidade deste projeto. Agradeceu aos pais pelo cuidado e pelos esforços para manterem seus filhos no Criar e Tocar.
“Quando nós vemos os meninos tocando, é muito bom. Mas nós sabemos as lutas que são no dia-a-dia para chegar neste estágio”, detalhou sobre as dificuldades enfrentadas para garantir o acesso e permanência das crianças e adolescentes.
O secretário da Cultura, Erivelson Borges, evidenciou que o Criar e Tocar “Não é apenas um projeto de inclusão social, mas é também um projeto de inclusão no mercado de trabalho. Porque muito saem daqui músicos preparados, prontos para o mundo”.
A secretária de Desenvolvimento Social, Nair de Moura Vieira, mostrou a importância do projeto para a proteção básica da criança e do adolescente, na prevenção e cuidado para que estes grupos sociais não sejam desamparados.
“A cidade de Anápolis se sente orgulhosa de ver uma apresentação desta natureza”, ressaltou. Para ela, “a música alimenta a alma” e “o mundo se abre” quando este tipo de apresentação e iniciativa social ocorrem. “Quão grandiosa foi essa apresentação”, reforçou.
O presidente da Câmara Municipal de Anápolis, vereador Amilton Filho, em tom de brincadeira e de maneira carinhosa, afirmou que “nem só de música sertaneja vive o goiano. Essa música é linda, alimenta a alma”. A brincadeira foi muito bem recebida pelos presentes.
Ele acrescentou que o Criar e Tocar contribui para a diminuição da criminalidade e ajuda a retirar crianças das ruas. E incentivou o prefeito a continuar apoiando a proposta, demonstrando o seu apreço pela iniciativa. “Ainda há esperança”, disse, sobre o papel do projeto.
As inscrições para preencher as 40 vagas oferecidas devem ser feitas na sede da Primeira Igreja Batista. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3943 3378.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Educação

Câmpus do IFG Anápolis tem nova diretora eleita

30/11/2017

A Comissão Eleitoral Central publicou no final da noite desta quarta-feira, 29, o resultado preliminar da eleição para dir...

Associação Educativa Evangélica celebra os 500 anos da Reforma Protestante

03/11/2017

Serão necessários mais 500 anos para que as futuras gerações tenham a noção da importância da celebração realizada n...

Saúde na Escola atende a quase 40 mil estudantes

20/10/2017

A Prefeitura de Anápolis, em parceria com o Governo Federal, está desenvolvendo o Programa de Saúde na Escola (PSE), um co...

Oficinas gratuitas oferecidas no programa Semana Cidadã

06/10/2017

A 1ª edição da Semana Cidadã, uma parceria entre a UniEVANGÉLICA e a Prefeitura Municipal de Anápolis, através da Secr...