(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Lula deve vistoriar obras da ferrovia

Cidade Comentários 17 de dezembro de 2010

O presidente da Valec, Juquinha das Neves, não deu detalhes da agenda, mas informou que Lula deve estar em Goiás no próximo dia 23. Inauguração da Norte-Sul só deve ocorrer no ano que vem


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pode vir a Goiás, no dia 23 próximo, vistoriar as obras da Ferrovia Norte-Sul. O anuncio foi feito pelo presidente da Velec, José Francisco das Neves, o Juquinha, durante reunião com o governador Alcides Rodrigues e diretores de 17 e diretores de 17 empreiteiras que, em consórcio, vão construir os 667 quilômetros da Extensão da Ferrovia Norte-Sul. O encontro aconteceu na última quinta-feira,16, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira.
O encontro foi uma reunião técnica e teve por objetivo mostrar ao governador os “planos de ataque” das obras da Extensão, que ligará Ouro Verde-GO à Estrela do Oeste-SP, passando pela linha média da região Sudoeste de Goiás. Juquinha das Neves anunciou que, no próximo dia 23, o presidente Lula estará em Goiás para vistoriar obras da ferrovia Norte-Sul, em construção pela Valec.
A inauguração da Norte-Sul estava prevista para o dia 20 de dezembro. Em virtude das fortes chuvas que caíram em Novembro, e vem caindo este mês, as obras sofreram atrasos em diversos pontos. Contudo, segundo Juquinha das Neves, 90% da ferrovia está concluída. Os 10% restantes deverão estar definitivamente concluídos em abril do próximo ano, estando prevista, para o início do segundo semestre de 2011, o inicio das operações comerciais do trecho goiano.

Extensão
A ferrovia que parte de Ouro Verde e vai até Estrela do Oeste, a chamada Extensão da Ferrovia Norte Sul, deve ter sua construção iniciada a partir da próxima semana, quando serão expedidas as ordens de serviço, segundo o próprio Juquinha informou.
São cinco trechos a serem executados por cinco consórcios de empreiteiras. Durante a reunião, cada uma delas expôs suas estratégias de execução da obra. Foram mostrados detalhes de cada trecho, relação de máquinas e equipamentos, dimensionamento de obras em geral, layout de canteiros de obras e instalações industriais, cronograma de execução etc.
Falando aos empreiteiros, Juquinha declarou que será rigoroso na cobrança das metas contratadas. O prazo para o encerramento das obras é de dois anos. Mas o presidente advertiu que, em 2011, toda a parte de terraplanagem terá que estar concluída, impreterivelmente. Ele também determinou às empreitarias que iniciem imediatamente as tarefas de desmatamento nos trechos de floresta.
Juquinha agradeceu o governador Alcides Rodrigues pelo apoio que o Governo do Estado tem dado às atividades da Valec. O governador Alcides Rodrigues encerrou a reunião agradecendo a presença de todos e discorrendo sobre a importância da Ferrovia Norte Sul para o desenvolvimento de Goiás.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

LDO estima receitas e despesas em mais R$ 1,5 bilhão para Anápolis em 2020

17/04/2019

O Prefeito Roberto Naves encaminhou à Câmara Municipal, o Projeto de Lei Complementar (PLC nº 008/2019) dispondo sobre a L...

Procurador da Enel diz que empresa investirá cerca de R$ 6 bilhões

17/04/2019

Já quase na etapa final da sessão da CPI da Enel em Anápolis, o advogado da empresa, Lúcio Flávio de Paiva, teve a palav...

Ações do Governo de Goiás em Anápolis começam pelo DAIA

13/04/2019

O Governador Ronaldo Caiado (DEM) cumpriu agenda em Anápolis nesta quinta-feira 11/04. Foi a primeira vinda dele ao Municíp...

Fechamento da Delegacia da Receita Federal gera apreensão em Anápolis

13/04/2019

O possível fechamento da Delegacia da Receita Federal em Anápolis tem gerado preocupação em diversos setores da sociedade...