(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Últimas da Web - Ed.525

Geral Comentários 26 de junho de 2015

Notas Gerais


Inflação paulista


A manutenção da taxa de inflação da capital paulista em 0,54% na terceira leitura de junho, em relação à segunda, surpreendeu o coordenador do Índice de Preços ao Consumidor, André Chagas, da FIPE, que esperava uma alta inferior, de 0,46%. "Erramos feio. Imaginávamos que a desaceleração começaria, dando início ao processo que se estende a julho e agosto", disse, referindo-se à fase de preços ao consumidor mais comportados que ocorre nesta época, especialmente puxada pelos alimentos. André Chagas alterou a projeção para o IPC fechado deste mês, de 0,37% para 0,49%.


Economia em debate


O ex-diretor do Banco Central e chefe da divisão econômica da Confederação Nacional do Comércio, Carlo Thadeu de Freitas, disse que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, reiterou a necessidade de o País manter uma política fiscal rígida. "Por enquanto não se falou em mudar meta fiscal", disse após sair da sede do Ministério da Fazenda, onde economistas se reuniram com Levy. Thadeu de Freitas contou que as discussões focaram em eventuais ideias que possam alavancar o crescimento do País, diferenciando quais seriam os problemas estruturais e os problemas cíclicos da economia brasileira.


Sob suspeita


A Polícia Federal apreendeu na sede da agência de publicidade Pepper, em Brasília, um computador e mochilas com materiais. A Pepper é alvo da segunda fase da Operação Acrônimo, deflagrada na quinta-feira, 25. A PF também fez busca e apreensão num hangar em Belo Horizonte e num escritório que era usado pelo governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT). A Pepper é uma empresa contratada pelo PT para cuidar da página do Facebook da presidente Dilma Rousseff. Carolina Oliveira, mulher do governador e um dos alvos da Operação, trabalhou na agência de publicidade.


Habeas para Lula I


Um habeas corpus preventivo registrado no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, pede que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não seja preso na Operação Lava Jato. O habeas corpus se tornou de conhecimento público na quinta-feira (25), depois que o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO), que faz oposição ao PT divulgou a informação em sua conta no Twitter. O Instituto Lula, do ex-presidente, negou que o HC - uma ação judicial que assegura a liberdade do favorecido e impede a prisão - tenha sido impetrado por ele ou por qualquer advogado que o represente.


Habeas para Lula II


 O líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE), disse, no Plenário da Câmara, que a conduta do senador do DEM, Ronaldo Caiado (RJ) tem de ser repudiada. Caiado divulgou pelo Twitter que um habeas corpus preventivo em nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi protocolado no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) e disse, apenas, ter dado publicidade ao documento. "Esse tipo de inverdade não pode prevalecer. O nosso repúdio, como vice-presidente do PT, ao líder do DEM que semeou essa mentira e terminou contaminando as redes sociais", disse José Guimarães.


Os aposentados


O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), classificou de "erro", a decisão dos deputados em se estender o reajuste do salário mínimo aos aposentados e pensionistas do INSS. Na avaliação do peemedebista, a eventual mudança nas regras de reajuste das aposentadorias comprometerá o ajuste fiscal para equilibrar as contas da União. Para virar lei, o texto aprovado pela Câmara, ainda, precisa ser apreciado pelo Senado e sancionado pela presidente Dilma Rousseff. Pelos cálculos do Governo, a medida gerará gastos de R$ 9,2 bilhões por ano - sendo R$ 4,6 bilhões ainda em 2015.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Município quita dívidas trabalhistas de ex-servidores comissionados

19/04/2017

A Prefeitura de Anápolis começa a quitar dívidas trabalhistas do município, que estão pendentes desde 2011, para ex-serv...

Ovos de chocolate com diferenças salgadas, aponta pesquisa do Procon

12/04/2017

O Procon de Anápolis divulgou a pesquisa sobre os preços de produtos para a páscoa- ovos de chocolate e caixas de bombons....

Projeto da sede do MP tem significativo avanço

12/04/2017

A proposta de se definir uma nova sede para as promotorias de Justiça em Anápolis (hoje funcionando em um edifício da Aven...

Advogados receberam a Caravana Nacional de Prerrogativas

07/04/2017

Morosidade do Poder Judiciário; desrespeito por parte de autoridades policiais, juízes, promotores; porte de arma; e até o...