(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Loja “Lealdade e Justiça II” comemorou 85 anos de fundação

Geral Comentários 14 de setembro de 2018

Dentre os eventos comemorativos, foi entregue a Comenda “Osíris Teixeira” a vários homenageados


Nas comemorações de seus 85 anos de fundação em Anápolis, a Loja Maçônica “Lealdade e Justiça 2ª” promoveu, na noite de sábado (08 de setembro), uma Sessão Magna Pública (aberta a não maçons) para a outorga da Comenda “Osires Teixeira” (instituída em julho de 2008) a diversas personalidades, entre membros da maçonaria dela e de outras lojas, assim como destacadas personalidades do mundo socioeconômico anapolino; militares, lideranças comunitárias e outros agraciados. A solenidade aconteceu no templo da instituição, que fica na Rua 14 de Julho 1.222. O ato foi presidido pelo Venerável Mestre da Loja, Warner Geraldes e teve, ainda, a presença do Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil - Goiás, Luiz de Castro Coelho e do Grão Metre da Grande Loja do Estado de Goiás, Adolfo Ribeiro Valadares.
Osires Teixeira, que empresta o nome à Comenda, foi Senador da República e iniciou-se na Maçonaria, justamente, na Loja “Lealdade e Justiça 2ª”, em 1.958. Elegeu-se Grão-Mestre, em 1978. Em 13/07/1978 assinou dispositivo legal transferindo a sede do Grande Oriente do Brasil, do Rio de Janeiro para Brasília, cumprindo dispositivo constitucional.
Os agraciados com a Comenda “Osires Teixeira”, este ano, foram: Sra. Geny Dias Junqueira; Professora Wassy Francisca Geraldes; advogada Nairlene Ortega; Jornalista Nilton Pereira; médico Pedro Ernesto de Jesus; médico Sebastião Célio Rodrigues da Cunha; médico Jorge Cecílio Daher; vereador Amilton Batista de Faria Filho; líder comunitário Hugo Pinto da Silva Marques; empresário Itamar Montalvão; empresário Hélio Machado da Silveira; líder comunitário Joventino Ferreira da Cunha; empresário Glicério Melazzo; líder comunitário Mário Pereira de Siqueira; empresário Walter Avelino de Souza; Tenente Coronel PM Paulo Roberto de Oliveira; empresário Willian O’Dwyer e Coronel Aviador Jorge Marques de Campos Júnior.

História
A loja “Lealdade e Justiça” foi fundada em 05 de setembro em 1933, sob a jurisdição das Grandes Lojas do Estado de Minas Gerais. Seus fundadores foram Jad Salomão; Francisco Juarez; Silvio Lorena Lage; José Lourenço Dias (o autor do nome de Lealdade e Justiça); Manoel Pereira Guimarães, José Fernandes Valente e Luiz Caiado de Godoy.
Em 1937 o Conselho de Segurança Nacional resolveu mandar fechar a Maçonaria por ser contrária ao regime em vigor no Brasil, àquela época. A loja já contava com 26 membros e funcionava na Rua Nilo Peçanha (hoje Tonico de Pina) esquina com a Rua Xavier Curado (hoje Cel. Aquiles de Pina). O material da Maçonaria foi guardado na casa do engenheiro Luiz Caiado de Godoy. No dia 3 de março de 1940, resolveu-se adaptar um Templo. E, em 29 de maio de 1940, a loja foi instalada na Rua Mato Grosso (hoje Quintino Bocaiúva). O terreno definitivo foi adquirido no dia 09 de outubro de 1939, na Rua 14 de Julho onde, anos depois, se erigiu o Templo de Lealdade e Justiça 2º. Por essa época, 12 maçons pertencentes ao Grande Oriente do Brasil, haviam fundado a Loja Simbólica “General Moreira Guimarães”, não tendo, porém, organizado seu templo. Tempos depois, ficou deliberada a fusão das oficinas, com 45 obreiros, sendo 33 da “Lealdade e Justiça” e 12 da Loja “General Moreira Guimarães”, passando a denominar-se Loja Maçônica “Lealdade e Justiça 2ª”, visto já existir outra de igual nome no Estado de Santa Catarina.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

UniEVANGÉLICA - Seminários destacam direitos da pessoa com deficiência

20/09/2018

Foi promovido nesta semana na UniEVANGÉLICA o Seminário dos Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, uma iniciativa d...

Regulamenta lei que proíbe fabricação e uso do cerol

20/09/2018

O governo de Goiás editou o Decreto n° 9.316, de 18 de setembro de 2018, que regulamenta a Lei n° 17.700/2012, que dispõe...

Comarca de Anápolis fica de fora do plano para a expansão de novas varas

20/09/2018

A Comarca de Anápolis ficou de fora da primeira fase do plano de reestrutura judiciária, definido pela Lei 20.254/18, que d...

Vereador destaca do Dia do Vicentino

20/09/2018

Em discurso no pequeno expediente, durante a sessão ordinária da última quarta-feira,19, o vereador Lisieux José Borges (...