(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Éliton sinaliza apoio ao Polo de Defesa

Economia Comentários 13 de abril de 2018

Governador defendeu uma nova política para a atração de investimentos


Em sua primeira visita oficial ao Município, na quinta-feira, 12, o quarto dia útil após a sua posse no cargo, o Governador José Éliton cumpriu extensa agenda em Anápolis. Ele fez questão de frisar isso por várias vezes nos compromissos de que participou. Disse que este gesto é uma deferência à Cidade, suas lideranças e a população. Marcaram presença, ainda, o Prefeito Roberto Naves e várias autoridades civis e militares.
O primeiro compromisso foi com empresários, na Associação Comercial e Industrial de Anápolis. O presidente da entidade, Anastácios Apostolos Dagios, apresentou o trabalho do Comitê de Assuntos de Defesa da Federação das Indústrias do Estado de Goiás, que teve origem na Associação e que, segundo ele, alcançou uma dimensão maior, necessitando pleno apoio do Governo do Estado, a fim de dar andamento a uma série de ações.
O processo de criação do Comitê tem por objetivo implantar em Goiás, com sede em Anápolis, um polo econômico, com vistas a atrair empresas que têm ligações comerciais com o Ministério da Defesa. Anastácios Apostolos ressaltou que o Estado, num passado recente, havia apresentado ao Conselho Nacional de Política Fazendária, uma proposta para reduzir a alíquota de ICMS para o setor. Esta proposta passou pelo colegiado, mas só há pouco tempo foi referendada e, agora, foi implementada, baixando o imposto de 12% para 4%.
A redução de alíquota, para o Presidente da ACIA, www.magicwatches.cn é uma parte importante na consolidação do polo, que já abriu outras vertentes, dentre elas, a criação de um polo de tecnologia juntamente com a Universidade Estadual de Goiás, que viabiliza cursos numa parceria com o Instituto de Tecnologia Aeronáutica, o ITA, de São José dos Campos. Ainda, está sendo trabalhado um projeto para se implantar, em Anápolis, um Centro de Aquisições do Ministério da Defesa. Para isso, articula-se a vinda do ministro da Pasta, o general do Exército Joaquim Silva e Luna. “Nós precisamos do Governo junto, para fazer esta agenda”, pontuou Anastácios Apostolos.
Durante a reunião, o Coronel Aviador Cícero Ceccato, fez uma exposição sobre a participação do Comdefesa na Feira Internacional de Defesa Aeroespacial, realizada no Chile, entre os dias 3 a 8 deste mês. Foi o único comitê do Brasil convidado pela Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa a participar do evento, que reuniu 580 expositores de 60 países.

Apoio
O Governador José Éliton enfatizou que a sua visita teve o objetivo de unir esforços para uma agenda positiva que venha agregar valor para a indústria e outras potencialidades de Anápolis. Ele se colocou à disposição para consolidar as ações desenvolvidas pelo Comdefesa. E, incumbiu o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Leandro Ribeiro, vereador licenciado de Anápolis, que assuma o direcionamento dessa agenda, enquanto, de sua parte, continuará, também, trabalhando outros projetos importantes como a consolidação do Aeroporto de Cargas, cuja pista de quase três mil metros já foi entregue; do Centro de Convenções e da Plataforma Logística. Neste último caso, ele citou um entrave, que é o eixo ferroviário que tem apresentado problemas, os quais são de competência da esfera federal. Também, determinou que o secretário Leandro Ribeiro trabalhe com a sua equipe, no sentido de homologar a pista do Aeroporto de Cargas, visando, efetivamente, torná-la operacional.
O Governador ressaltou que está colocando como uma meta de Governo, iniciar um protocolo para se estabelecer uma nova política de atração de investimentos para Goiás. Conforme observou, a convalidação dos incentivos fiscais no âmbito do Confaz, ocorrida no ano passado, acabou gerando um prazo de esgotamento para a política atual de incentivos e, portanto, se faz necessário que outros mecanismos sejam adotados a fim de que Goiás não perca o seu dinamismo na atração de investimentos e, consequentemente, na geração de emprego, renda e divisas.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Metade do ano não foi boa para os negócios internacionais em Goiás

19/07/2018

Não foi dos melhores o fechamento do semestre da balança comercial de Anápolis. Os dados, que acabam de ser divulgados pel...

Exportações goianas batem recorde em seis meses

12/07/2018

Uma boa notícia para a economia de Goiás. As exportações do Estado, no primeiro semestre deste ano, bateram recorde e som...

Preço do combustível cai em Goiás e derruba pauta do ICMS

12/07/2018

Informações da Secretaria Estadual da Fazenda dão conta de que houve queda no valor médio dos combustíveis praticado nos...

Anapolinos pagam menos pela cesta básica, segundo o PROCON

05/07/2018

O custo médio da cesta básica em Anápolis apresentou redução de 5,9% em um mês, de acordo com levantamento apresentado ...